07 nov 2011 | Na Estrada,Notícias
BLOGNEJO NA ESTRADA – Fernando & Sorocaba – DVD “Acústico 2”

Eu não fui à gravação do novo DVD da dupla Fernando & Sorocaba, o “Acústico 2”. Na semana da gravação, que aconteceu entre os dias 25 e 27 de outubro, eu estava ocupado com um evento aqui em Uberlândia e infelizmente não podia sair da cidade. Mas em determinados casos a gente sabe que a presença do Blognejo é importante para que os nossos amados leitores continuem bem informados, hehehe.

Como a minha presença não se fez possível, pela primeira vez o Blognejo contou com um “enviado especial”. No caso uma “enviada”. Acontece que uma das maiores fãs da dupla Fernando & Sorocaba que eu conheço, a Carolina Scalari, estava se organizando para assistir à gravação. Aproveitando a nossa amizade e a confiança que eu já tenho nela, além das esfirras caseiras cozinhadas pela sra. Scalari e consumidas em uma de várias outras reuniões que ainda virão, hehe, eu ofereci a ela o cargo de correspondente do Blognejo na gravação do DVD. Ainda bem que ela aceitou a tarefa insólita.

O que ela faria? Assistiria atentamente à gravação e detalharia o que de mais importante aconteceu através de e-mail. Eu demorei a postar aqui as informações, aliás, por conta do prazo que o Blognejo ficou fora do ar e não por causa dela, tadinha. Segue abaixo, portanto, um resumo dos acontecimentos através das informações a mim fornecidas pela nossa “repórter por um dia”. No caso, “repórter por 3 dias”.

A gravação rolou na Ópera de Arame em Curitiba, um dos recintos de eventos mais bonitos de Curitiba. Cadeiras marcadas, claro, para organizar o público, que era intencionalmente pouco numeroso. Eram poucos os lugares disponíveis, por isso o alto preço dos ingressos.

A tecnologia de gravação, como a maioria já deve saber, será 3D, o que abre espaço para a utilização maciça de efeitos especiais, que não se limitavam apenas ao palco, mas a todo o recinto da gravação. Na música “6 de janeiro de 2003”, gravada somente pela dupla Fernando & Sorocaba desta vez, por exemplo, toda a Ópera de Arame foi dominada por efeitos especiais que imitam o fogo, mudando de cor durante as estrofes da canção.

A dupla apareceu no teto do teatro anunciando o início da apresentação. Os dois surgiram pela platéia, cada um descendo por um corredor, cumprimentando quem estava nas pontas. A primeira música apresentada foi “A verdade”, que teve a “guia” divulgada na Internet há algum tempo.

A participação do Luan Santana aconteceu no primeiro dia de gravação, com a música “Everest”, que promete ser uma das mais empolgantes do disco. Outras que têm tudo pra puxar o disco são “É tenso”, que traz uma letra bem “cafajeste”, se é que podemos chamar assim, e “Férias em Salvador”, com o Fernando surgindo do chão tocando piano.

Nos 3 dias de gravação, rolaram ainda as participações da dupla Thaeme & Tiago e do grupo Inimigos da HP, ambos do escritório da dupla Fernando & Sorocaba. O Inimigos da HP foi inclusive muito bem recebido pelo público presente e chegou a dar uma canja de alguns dos antigos sucessos da banda, como “Sereia” e “Quem quiser me beijar”. Eles participaram do disco com a música “Tá tirando onda”.

O que chamou a atenção foi a seriedade e a preocupação com a organização e os detalhes do projeto. Durante os 3 dias, as mesmas músicas foram tocadas. E não era permitido ao público entrar no local da gravação com nenhum tipo de bebida, até mesmo água. Segundo o próprio Sorocaba, o lançamento do primeiro DVD em 3D do Brasil está previsto para até o fim deste ano.

Enfim, é isso. Mesmo que eu, Marcão, não possa levar o Blognejo aonde as coisas estão acontecendo, ainda assim ele arruma um jeito de estar presente. Obrigado a todos e até o próximo evento.

Colaborou com o texto: Carolina Scalari

32 comentários
  • Fernanda: (responder)
    28 de janeiro de 2012 às 13:06

    Queria dizer aos sabichões aí que criticaram as músicas de Fernando e Sorocaba…que façam então melhor que eles. Já que vcs são fudidões…pq ainda não estão fazendo sucesso como F&S? Vcs são capazes de inventarem um novo estilo? Dane-se se é POP ou Sertanejo universitário…o importante é que o Sorocaba além de tocar violão e gaita ao mesmo tempo, detonar no violino, ter um QI suficiente pra bolar um evento deste porte e atrair milhoes de fãs, ainda compõe músicas próprias. E o Fernando, detona cantando, tocando violão e viu o DVD?! Piano tbém! Já que é ruim…pq vcs não compõe pra ele? Eu respondo…pq no máximo sairia um funk do pior estilo que nem grana iria dar. CRITIQUE SE VC FOR CAPAZ DE FAZER MELHOR. Os caras são FERAS como pessoas e como cantores. Exemplo que vc deveria tomar pra sua vida!

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.