26 set 2008 | Lançamentos
DIÁRIO DE UM CANTOR SERTANEJO – MULHERES
A fama de pegadores persegue os cantores sertanejos desde o início dos tempos. Hoje resolvi falar um pouco dessa história, contando alguns episódios que provavelmente ajudarão a elucidar a questão e mostrar que pode ou não ser assim. Ah, e pra mostrar também a importância disso.

Na medida em que você vai aparecendo para o público, torna-se crescente o número de mulheres caindo em cima de você. Tem casos, inclusive, em que grupos de amigas passam a acompanhar os shows apenas para “fazer a roda” com você e o pessoal da banda. Entendam que o fato de você estar cantando ou tocando para as pessoas é, sim, um afrodisíaco. As mulheres, não sei por que, se sentem atraidas por cantores e músicos. É claro que o grau de atração, bem como o nível de “gostosura” das mulheres interessadas, aumentam proporcionalmente ao sucesso. Quanto mais sucesso, mais mulheres darão em cima e aumentará também o número de mulheres bonitas praticando tal ato.

Alguns jovens cantores costumam se deslumbrar facilmente com isso. Tem gente, aliás, que canta apenas pra poder “pegar mulher” mais facilmente. Não só no meio sertanejo. É meio que geral. Só que os sertanejos são mais machões que os outros e, talvez por isso, atraiam mais a atenção das mulheres. Exceto pelos pagodeiros, mas são mulheres diferentes pra cada um dos segmentos.

Às vezes quando se está em cima de um palco, é fácil perceber olhares interessados. E olha que eu não sou tão bonito assim, hehehe. Sem querer apelar para a “viadagem”, mas meu irmão é mais bonito que eu e atrai muito mais a atenção das mulheres. Até os rapazes da minha banda fazem mais sucesso com as mulheres que este que vos fala. Não que isso queira dizer que as garotas não queiram. Como eu disse, basta estar cantando. Isso já é por si só um ponto a seu favor. Se você quiser mesmo, é só aproveitar a primeira oportunidade.

Por que estou falando tanta coisa aparentemente sem sentido? Pra chegar ao X da questão: faz parte do processo. É importantíssimo para um cantor sertanejo que queira se destacar fazer sucesso com o público feminino. Se agradar as mulheres, já é um grande passo. Cabe ao artista saber coordenar o flerte de forma a lembrar-se que existe uma vida além dos palcos. Caso tenha namorada, noiva, esposa, ela tem que entender. Se já começar desde cedo com as crises de ciúme, nem adianta continuar cantando. Ou termina o namoro ou abandona a carreira.

Entendam que não estou dizendo que é necessário trair. Muito pelo contrário, eu sou contra traição de qualquer natureza, mesmo que sem importância. O que estou dizendo é que um músico deve saber o limite. Ele pode flertar, pode atiçar, sem sombra de dúvida. Mas existe uma linha que só pode ser cruzada se não for prejudicar ninguém, isto é, apenas se o músico for solteiro, livre e desempedido. O cara que corta na cara dura as mulheres interessadas, perde pontos com o público feminino. Aquelas que acompanham os shows podem sumir de uma hora pra outra. E isso não é interessante para os artistas. Resumindo, o cara tem que ser um mestre na arte do “botar fogo e fugir na hora do vamuvê”. Se o cara acabar sucumbindo à tentação, ele o deve fazer de modo a ninguém ficar sabendo. O maior exemplo disso é o Zezé di Camargo. Ele mesmo já disse uma vez: “se eu disser que nunca traí a Zilú, vocês não vão acreditar, então não me preocupo mais”.

Acho que uma das únicas coisas que não mudou em toda a história da música sertaneja foi o interesse das mulheres pelos artistas. O que demonstra, então, que o público feminino é importantíssimo para o sucesso do segmento. Cabe aos profissionais do ramo saber lidar com elas.

25 comentários
  • Anônimo: (responder)
    8 de junho de 2012 às 18:59

    eu n acho que ser caipira, tem que gostar de musica sertaneja.
    e sim amar sua terra natal e dar valor na raiz onde fomos gerado.
    ser caipira stá no sangue e na força de ser um pião,andandando
    no mundo trpero de deus e ver quantas coisas lindas nós temos
    neste brasil de ponta a ponta, fui tropera, meus filhos todos
    tem sangue de caipira e moranda hoje na cidade,jamais deixei
    d
    e ter saudade do meu sertão.nelma , belém.pa

  • Karie Blatz: (responder)
    14 de julho de 2013 às 20:10

    I simply want to tell you that I am just all new to weblog and absolutely liked this web page. Very likely I’m planning to bookmark your blog . You amazingly have great well written articles. With thanks for sharing with us your blog site.

  • click this site: (responder)
    17 de julho de 2013 às 19:58

    An impressive share! I’ve just forwarded this onto a friend who has been doing a little research on this. And he in fact ordered me lunch due to the fact that I discovered it for him… lol. So allow me to reword this…. Thanks for the meal!! But yeah, thanks for spending some time to talk about this topic here on your web site.

  • the original source: (responder)
    18 de julho de 2013 às 00:29

    I want to get across my respect for your kindness supporting folks who really want guidance on this niche. Your special commitment to passing the solution across had become pretty useful and have constantly helped men and women just like me to get to their goals. Your warm and friendly instruction signifies much a person like me and even further to my mates. Thank you; from each one of us.

  • seo companies: (responder)
    18 de julho de 2013 às 17:25

    This website was… how do I say it? Relevant!! Finally I’ve found something that helped me. Appreciate it!

  • seo company review: (responder)
    18 de julho de 2013 às 21:01

    Excellent post. I will be dealing with a few of these issues as well..

  • facebook applications: (responder)
    20 de julho de 2013 às 08:00

    This is getting a bit more subjective, but I much prefer the Zune Marketplace. The interface is colorful, has more flair, and some cool features like ‘Mixview’ that let you quickly see related albums, songs, or other users related to what you’re listening to. Clicking on one of those will center on that item, and another set of “neighbors” will come into view, allowing you to navigate around exploring by similar artists, songs, or users. Speaking of users, the Zune “Social” is also great fun, letting you find others with shared tastes and becoming friends with them. You then can listen to a playlist created based on an amalgamation of what all your friends are listening to, which is also enjoyable. Those concerned with privacy will be relieved to know you can prevent the public from seeing your personal listening habits if you so choose.

  • pest control austin: (responder)
    20 de julho de 2013 às 10:11

    This is getting a bit more subjective, but I much prefer the Zune Marketplace. The interface is colorful, has more flair, and some cool features like ‘Mixview’ that let you quickly see related albums, songs, or other users related to what you’re listening to. Clicking on one of those will center on that item, and another set of “neighbors” will come into view, allowing you to navigate around exploring by similar artists, songs, or users. Speaking of users, the Zune “Social” is also great fun, letting you find others with shared tastes and becoming friends with them. You then can listen to a playlist created based on an amalgamation of what all your friends are listening to, which is also enjoyable. Those concerned with privacy will be relieved to know you can prevent the public from seeing your personal listening habits if you so choose.

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.