11 mar 2010 | Lançamentos
Encontros e Desencontros no Grupo Tradição

Apesar de uma intensa campanha de uma ampla legião de fãs e de vários blogs e sites espalhados pela Internet, o Grupo Tradição definitivamente sentiu a saída de seu front-man, o Michel Teló. O mais recente CD, o “Caixinha de Surpresas” ainda não emplacou da forma que se esperava. Mas outro fator tem se mostrado ainda mais preocupante: da equipe que consagrou o Tradição (a da época do Anderson ainda gordinho) só restaram 2 membros.

tradicao1

No meio do ano passado, Michel Teló oficializou sua saída do grupo. Especulações à parte, aquele velho e conhecido papo de que “vou seguir meu sonho”, “o grupo continua firme e forte”, “a amizade prevalece” e patatí patatá imperou durante todo o período de transição. Entretanto, tratava-se do aparente “líder” da banda. Guilherme Bertoldo, do grupo “Os 4 Gaudérios”, foi chamado para substituir o Michel mas, mesmo com grande talento na voz e na gaita de ponto, ainda não viu chegar a sua hora de assumir definitivamente o posto que foi do loirinho.

Vejam bem, o grupo Tradição já era conhecido por fazer as vezes de “Roupa Nova” da música sertaneja. Boa parte dos integrantes também cantava. Na época do Michel, no entanto, o padrão era o Michel cantando e o restante tocando. Quando Gui Bertoldo entrou esperava-se, então, que ele assumisse o mesmo papel, como vocalista absoluto. O que se vê, no entanto, é o pouco aproveitamento de seu talento no CD. O “Caixinha de Surpresas” conta com uma média bem menor de músicas com ele na voz principal do que a média que o Michel tinha em sua época. O baterista Anderson Nogueira assumiu boa parte dos vocais, bem como o baixista Carlos Dias.

Há que se lembrar ainda da saída do emblemático acordeonista Gérson Douglas. Utilizou como justificativa o mesmo clichê utilizado pelo Michel. Disse que montaria um projeto com um antigo membro do Tradição, o Serjão. Semanas depois, no entanto, era ele quem estava comandando o acordeon nos shows do Michel. E o projeto com o Serjão aparentemente foi deixado de lado. Já corria à boca pequena o papo de que o Gérson era mais apegado ao Michel do que aos outros membros, então uniu-se o útil ao agradável. Para subsituí-lo, convidaram Jefferson, o sanfoneiro do grupo Zíngaro. Assim, aparentemente, fechou-se a nova formação do grupo Tradição.

tradicao2

Entretanto, passados alguns poucos meses do lançamento do novo disco, que serviria pra mostrar que o Tradição sobreviveria, sim, sem o Michel Teló e o Gérson, mais fatos inusitados ocorreram. De uma só vez saíram os percussionistas Arapiraka e Wlájones. O Wlájones, aliás, tinha acabado de receber a oportunidade de fazer parte do material de divulgação da banda e da capa do disco. Ele já era músico do Tradição, mas só nessa mudança de formação é que ele foi “promovido” ao cargo de membro oficial. Tudo pra meses depois ele acabar saindo. O que se tem dito sobre essa saída súbita de dois membros do grupo é que ocorreram desavenças com a parte administrativa da banda. Mais uma vez utilizaram a máxima do “somos todos amigos” e bla bla bla. O fato é que, com isso, ficaram apenas 3 integrantes da formação “original” (atenção às aspas, já que o grupo Tradição tem mais de 10 anos de estrada e por ele já passaram diversos outros grandes músicos).

Pouco tempo depois do anúncio da saída de mais dois membros da banda, outro choque estava prestes a ser confirmado. Anderson Nogueira, o ex-gordinho, o cara que canta e toca bateria ao mesmo tempo com uma desenvoltura pouco vista no Brasil (que eu me lembre assim de cara, só o Serginho do Roupa Nova tem a manha de fazer algo parecido), também anunciou que deixaria o Tradição. A justificativa: “seguir seu sonho”, “as idéias já não eram as mesmas”, “vontade de seguir carreira solo”. Tive a oportunidade de fazer alguns questionamentos junto ao próprio. Segundo o Anderson, não houve desentendimento, não houve briga. Ele ainda disse que acredita muito na continuidade da banda e que o que veríamos daqui pra frente no grupo seria a”nova e melhorada geração do Tradição”, numa referência à grande quantidade de garotos com os quais a banda passou a contar. Para a persussão, substituindo o Arapiraka, convidaram o jovem Juliano, do grupo “6 é demais”, aquele mesmo grupo que já mostramos AQUI no Blognejo e que era conhecido como a versão mirim do Tradição. Ficaram da formação original, então, apenas o Pekóis e o Carlos.

tradicao3

Com mais essa mudança, o que se percebe é que o baixista Carlos Dias assumiu as vezes de “líder” do Tradição. O Pekóis ainda está lá, firme, mas quem tem “feito as correrias”, pelo menos aparentemente, tem sido o Carlos. Fora que, entre os cantores, ele é o único que ficou da formação da época do Michel. O que causa uma certa preocupação é, mesmo, a continuidade da metodologia que o Tradição consagrou. Definitivamente, não há na história da música sertaneja um grupo mais versátil, extrovertido, interessante e criativo que eles. Tanto que o respeito de que gozavam mesmo antes de estourarem era algo notável. O grupo Tradição ajudou a inaugurar uma nova fase na música sertaneja. Hoje, olha-se de outra forma uma “banda” sertaneja. O que antes era visto como piegas, hoje é encarado como algo que pode se mostrar original e incrível. Haja vista grandes grupos que pipocaram no segmento depois que o Tradição se consagrou, como o Tchê Garotos, Tchê Barbaridade, Garotos de Ouro, Grupo Rhass e tantos outros.

Os fãs se preocupam com tantas mudanças. Não que os novos membros não sejam capazes de elevar o Tradição a um nível ainda melhor do que o que tinham atingido. Essa “luansatanização” do Tradição (a inclusão de membros na faixa dos 19 anos) pode até ser positiva. O que entristece os fãs é essa sensação de que estão talvez “jogando fora” um trabalho que levou anos para ser consagrado. Ninguém se surpreenderá, inclusive, se o Pekóis ou o próprio Carlos anunciarem também a saída do grupo. Oras, se 5 membros já o fizeram , o que impede que os outros 2 restantes também o façam?

Outra coisa a se observar: o que sentem os novos integrantes com todas essas mudanças? Vejam bem, o cara está lá, com seu grupo, fazendo um showzinho aqui, outro ali, mas levando a vida. Chega alguém ligado ao grupo Tradição e diz: “quer entrar”? O cara, que já era fã há tempos do grupo, aceita na hora, pensando que aquela vai ser a oportunidade de sua vida. De repente ele começa a ver o grupo original se desfazendo e, talvez até porque ele tenha assinado um contrato, não pode argumentar, não pode opinar e talvez não pode nem pensar em sair, dada a probabilidade de uma multa cheia de zeros antes da vírgula. Vejam que a atual formação do grupo conta com 3 rapazes vindos de grupos que muito provavelmente se espelhavam no Tradição. 3 rapazes que comprometeram os grupos dos quais participavam em nome de um sonho. E aí?

O Tradição é ainda um grupo competente, capaz. Pode ganhar um novo gás com todas essas mudanças. Não sabemos se o período de transição acabou, afinal mal faz uma semana que último discidente anunciou sua saída. O que se espera é que o grupo mantenha o mesmo alto nível de competência que o consagrou. Abaixo, uma breve lista das atuais atividades dos membros “desertores”:

* Michel Teló = muitos shows, altíssimo investimento na divulgação de sua carreira solo, e já uma segunda música de trabalho pipocando nas rádios. Mas ainda sem o espaço outrora conquistado pelo grupo Tradição.

* Gérson Douglas = apesar de ter anunciado um projeto com o Serjão, antigo membro do Tradição, pode ser visto acompanhando o Michel Teló em seus shows.

* Arapiraka = por enquanto parece estar curtindo umas férias.

* Wlájones = música de estúdio respeitado, realizando gravações de bateria e percussão para produtores de alto nível, como Ivan Myiazato.

* Anderson Nogueira = prepara um disco solo no melhor estilo vaneira.

O nosso colaborador e amigo Tim Pin também escreveu sobre o mesmo tema em seu blog. Clique AQUI para ler a postagem.

20 comentários
  • edileusa Rodigues: (responder)
    8 de março de 2012 às 12:16

    OI eu sou do MATO GROSSO SUL VCS estão acabados desde quando o michel telo saiu do grupo mas mesmo assim sou fãn de vcs.beijão

  • Brian Hilo: (responder)
    12 de julho de 2013 às 19:59

    Thanks a bunch for posting!

  • Going On this page: (responder)
    17 de julho de 2013 às 17:36

    Hey! I know this is kind of off topic but I was wondering which blog platform are you using for this site? I’m getting sick and tired of WordPress because I’ve had problems with hackers and I’m looking at options for another platform. I would be great if you could point me in the direction of a good platform.

  • new michael jordan shoes: (responder)
    17 de julho de 2013 às 21:28

    Having read this I believed it was very enlightening. I appreciate you taking the time and effort to put this information together. I once again find myself spending a lot of time both reading and leaving comments. But so what, it was still worthwhile!

  • 2000 loan: (responder)
    18 de julho de 2013 às 03:01

    Amongst the handful of that failed to get wrecked filming Christine. I don’t think that justifies the asking price. Does the vendor want to sell it or not?

  • Abram Wimbs: (responder)
    18 de julho de 2013 às 07:10

    I merely want to say I am rookie to weblog and really loved you’re blog page. Likely I am planning to bookmark your website post.. You certainly have huge writings. Thanks a great deal for exposing your web-site.

  • Mirtha Pikula: (responder)
    18 de julho de 2013 às 23:24

    Undeniably believe that that you simply stated. Your favorite reason have also been in the internet the easiest factor to understand of. I explain to you, I definitely get irked at the same time as people think of issues that they’ll just don’t recognise about. You controlled hitting the nail upon the very best and outlined out everything with the necessity side-effects , folks could produce a signal. Will likely be again to obtain additional. Thanks a lot

  • just click the following webpage: (responder)
    19 de julho de 2013 às 00:12

    I was suggested this blog by my cousin. I’m not sure whether this post is written by him as no one else know such detailed about my trouble. You are wonderful! Thanks!

  • visit this website link: (responder)
    19 de julho de 2013 às 10:37

    Thank you for the auspicious writeup. It in truth was a enjoyment account it. Look complicated to more added agreeable from you! By the way, how can we keep in touch?

  • a fantastic read: (responder)
    19 de julho de 2013 às 11:15

    Hi are using WordPress for your site platform? I’m new to the blog world but I’m trying to get started and set up my own. Do you require any html coding expertise to make your own blog? Any help would be really appreciated!

  • vacation ideas for families: (responder)
    19 de julho de 2013 às 12:23

    Excellent blog here! Also your site loads up fast! What web host are you using? Can I get your affiliate link to your host? I wish my site loaded up as quickly as yours lol

  • vegina: (responder)
    20 de julho de 2013 às 05:40

    I need to add; hold out for cash!

  • water filters for refrigerators 4396508: (responder)
    20 de julho de 2013 às 10:20

    I drop a comment when I appreciate a article on a site or if I have something to contribute to the conversation. It is a result of the sincerness communicated in the article I read. And after this post Arde Prayoga » Blog Archive » Pengantar Bisnis – Artikel Bab 9. I was actually moved enough to drop a thought I do have a couple of questions for you if you don’t mind. Could it be only me or do some of the remarks appear as if they are left by brain dead visitors? And, if you are writing on other sites, I’d like to follow everything fresh you have to post. Would you list all of your social sites like your Facebook page, twitter feed, or linkedin profile?

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.