19 set 2016 | Na Estrada
Kleo Dibah e Rafael gravam novo DVD e assumem posição de destaque dentro do novo escritório

Que Kleo Dibah & Rafael são uma dupla sensacional, isso nunca ninguém duvidou. Completos musicalmente, eles sempre foram apontados como uma grande aposta, desde o aparecimento para o Brasil com a música “Se eu me entregar”. Desde então, espera-se muito deles. Mesmo tendo passado algum tempo, no entanto, e por conta de diversos obstáculos nesse período, que incluíram até uma doença grave de um dos antigos empresários (o que estacionou o projeto por um tempo), a dupla ainda não havia atingido o patamar que 10 em cada 10 pessoas ligadas à música sertaneja acham que eles merecem estar.

A diferença do caso deles para outros similares é que ninguém acha que o timing passou. Enquanto diversos artistas apontados como excelentes, mas que não chegam ao topo, esbarram no ceticismo do mercado depois disso, Kleo Dibah & Rafael continuam usufruindo do status de apostas, até porque o mercado entende que os tais obstáculos que eu mencionei no parágrafo anterior impediram que a dupla pudesse realizar um trabalho realmente bem feito. Ou seja, o “produto” ainda não foi explorado em todo o seu potencial.

Foi provavelmente pensando nisso que a Work Show abraçou a causa e rapidamente já colocou a dupla para trabalhar, com um DVD de peso que traz as participações de todos os grandes artistas do escritório, neste que provavelmente é o trabalho que melhor descreve a identidade musical tão própria da dupla. O resultado, pelo menos no que se viu na gravação, é um projeto totalmente original, com um repertório incrível e uma sonoridade mais alternativa (de um jeito positivo), que condiz totalmente com as influências musicais dos dois.

É a primeira vez que a dupla tem total autonomia sobre a criação. Inaugurando uma promissora parceria com o Claudio Abuchaim, lendário técnico de mixagem e masterização que assume o inédito papel de produtor musical, Kleo Dibah & Rafael tomaram enfim conta do próprio projeto de forma praticamente integral. E isso se refletiu no que foi ouvido no show. Se nos discos em parceria com Dudu Borges o som era mais conceitual e no disco com o produtor Eddy Junior era mais comercial, desta vez percebe-se um equilíbrio neste ponto, mas com a sonoridade ligeiramente voltada para o poprock e uma guitarra marcante em boa parte das músicas.

Não que o disco penda para o lado do rock, mas deu pra notar que a dupla pôde enfim aplicar um pouco mais das suas influências na sonoridade do disco. Voltaram enfim a priorizar a linha melódica de “Se eu me entregar” em boa parte das músicas do disco, ao mesmo tempo em que tiveram sabedoria na escolha de ótimas canções agitadas.

A inclusão das participações de todos os artistas do primeiro time da Workshow é a primeira grande demonstração das intenções do escritório com relação à dupla (Gusttavo Lima completou o time de participações). E, nos dias que seguiram após a gravação, o comentário interno é de total empolgação. Acredita-se de fato lá dentro do escritório que a dupla será um dos grandes estouros do mercado sertanejo no próximo ano. E, realmente, tudo aponta pra isso.

Entre os destaques do repertório, estão canções inéditas como “Bem vindo ao clube” (que dá nome ao DVD), “Você não volta”, “Tchau procê, té máis” e “Quem deu esse direito”. Num dos grandes momentos do DVD, Kleo Dibah foi para a bateria (seu instrumento original) e o Rafael, sempre com a guitarra, cantou na primeira voz a música “SOS Socorro”, uma das mais incríveis canções do disco.

De fato, a dupla continua se mostrando uma das mais originais do mercado. Além de todo o peso que pode ter o fato do Kleo Dibah ser o primeiro intérprete negro com reais chances de sucesso nos últimos 15 anos, pelo menos (o que o mundo sertanejo, em todo o seu falso moralismo, não discute abertamente, mas ainda assim pensa), a dupla é uma das únicas nas quais ambos são incrivelmente talentosos e musicalmente completos. Kleo com seu carisma, talento vocal e instrumental (violão e bateria), Rafael como a cabeça por trás do repertório da dupla, criando músicas que surpreendem no ineditismo dos temas e melodias e na genialidade das letras, e uma destreza incrível no violão e guitarra.

A qualidade vocal e o talento na composição coloca a dupla dentro da fórmula ideal da Workshow. O sucesso de Marília Mendonça, Zé Neto & Cristiano e Maiara & Maraísa nos dois últimos anos obedeceu a essa fórmula. E se em time que está ganhando não se deve mexer, acreditar em Kleo Dibah & Rafael vai de encontro a tudo o que já vem dando certo lá dentro. Mais uma vez, está em jogo um elemento que tem se mostrado, cada vez mais, a parte mais crucial de qualquer projeto: o repertório. Nisso Kleo Dibah & Rafael são experts, ainda mais com total autonomia para a escolha de músicas que são muito mais condizentes com a cara da dupla. É Kleo Dibah & Rafael como deve ser. E isso é incrível.

Abaixo, o teaser do DVD. Logo na sequência, fotos da gravação feitas pelo grande Maurício Antônio.


Fotos:

DVD KLEO DIBAH E RAFAEL

6 comentários
  • Cristian: (responder)
    19 de setembro de 2016 às 14:09

    Boa sorte e sucesso a essa dupla que é, sem dúvida, uma das melhores da atualidade. Realmente ainda não tiveram o estouro que merecem, talvez esse DVD traga isso. Os dois cantam muito, o timbre, além de perfeito, é comercial, lembrando muito João Bosco e Vinicius. Acredito que o falta mesmo é acertar um repertório, tal como HeJ, ZNeC e outros. Se eu me entregar e Cicatrizes são sensacionais, porém não tiveram sequência de repertório.

  • Denis di Castro: (responder)
    19 de setembro de 2016 às 16:52

    Senti uma emoção ao ler o texto,Marcão….Esses meninos já eram pra estar com uma carreira consolidada….pelo talento que possuem….Talento sobra

  • Emerson: (responder)
    19 de setembro de 2016 às 22:49

    Estou desde 2012 na torcida, agora vai,
    Esses caras sao incriveis, cantammmm denaisssss

  • Ana Flavia Rodrigues: (responder)
    20 de setembro de 2016 às 17:26

    Quanto tempo faz que escutei esses meninos pela primeira vez! Foi em 2007 ou 2008, não lembro mais, tempo da faculdade,ouço o primeiro DVD até hoje, são ótimos, merecem todo sucesso do mundo.

  • Calebe: (responder)
    21 de setembro de 2016 às 14:27

    quando o dvd chega às lojas alguém sabe dizer ?

  • Fábio Roque: (responder)
    22 de setembro de 2016 às 23:21

    Marcão! Não acho o Kleo o único intérprete negro com chance de sucesso não. Tem o Thacio também.

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.