06 mar 2014 | Lançamentos
Paulinho Reis lança “O Amor é assim” e reforça romantismo

No ano passado, o cantor Paulinho Reis lançou e trabalhou com grande repercussão a música “Apaixonado por você”, uma canção romântica que já mostrava bem a linha de trabalho do cantor. Ela chegou a ganhar um videoclipe com a participação da atriz Lisandra Souto, já mostrado aqui no Blognejo. Relembrem abaixo.

A música, carro chefe do CD que levou o mesmo nome, ganhou grande repercussão na mídia por conta do apoio da madrinha Lisandra Souto, que trabalhou praticamente como porta voz do trabalho do Paulinho Reis. Ele chegou a participar de diversos programas de alcance nacional acompanhado da Lisandra, incluindo o “Terra da Padroeira” e até o “Mais Você”.

Toda essa repercussão ajudou o Paulinho a definir as próximas etapas da carreira, com o lançamento de duas novas canções, com produção do lendário Reinaldo Barriga, responsável por diversos trabalhos históricos da música sertaneja. “Canudinho”, que pode ser baixada clicando no banner localizado logo ali abaixo das matérias em destaque, traz o Paulinho reis numa levada mais agitada. E a segunda canção, “O amor é assim”, destaque no post de hoje, reforça a linha romântica sempre defendida por ele.

Paulinho Reis nasceu em Conceição do Rio Verde e começou a desenvolver os dotes artísticos ainda muito cedo, aos 3 anos de idade. Aos cinco, já participava de folias de Reis na região e aos dez já se apresentava com frequência em quermesses e festivais. Em 98, começou a se apresentar em bares, bailes e casas de shows. Em 2009, gravou o primeiro disco, com 4 faixas produzidas pelo Maestro Pinnochio e com destaque para a música “Ponto Final”.

O novo disco começou a ser gravado em 2013, assim como o clipe, que levou a todas as conquistas já apontadas mais acima. Em junho, com um show na renomada casa de shows Miranda, foi realizado o pré-lançamento do CD e o making off do clipe. A participação no programa “Mais Você”, da Ana Maria Braga, veio no segundo semestre.

Já em 2014 o CD “Apaixonado Por Você” é finalizado, com masterização feita em Nova Iorque, no Sterlling Sound Studios. Paralelamente, o cantor chegou a visitar a Ilha de Caras com o lendário Boni e outros artistas globais. Nesse meio tempo, veio ainda a parceria com o Reinaldo Barriga, que rendeu mais duas canções ao projeto: “O amor é assim” e “Canudinho”. A música de trabalho, “Apaixonado por você”, já vem sendo trabalhada com intensidade em todas as rádios do Sul de Minas e em diversas rádios pelo Brasil. Esta faixa, assim como as demais do disco (exceto as duas produzidas pelo Reinaldo Barriga) contaram com a produção musical do Eduardo Chermont, Gustavo Fernandes e Chico Adnet.

Aproveitando o embalo do bom trabalho, Paulinho Reis lança hoje a nova “O amor é assim”, que pode ser ouvida e baixada através do player abaixo. Confiram.

6 comentários
  • LUCIANO SILVA: (responder)
    6 de março de 2014 às 12:55

    Frases e palavras aleatórias simplesmente acabam com as músicas:
    APAIXONADO POR VOCÊ:
    Esse PEÃO na letra da música não tem nada a ver, ou vamos considerar o clipe?
    O AMOR É ASSIM:
    Recheada de frases mais que manjadas. Não empolga.

  • Renan - SP: (responder)
    6 de março de 2014 às 14:29

    Não conheço o repertório do Paulinho Reis, mas me parece ser a melhor descoberta do Sertanejo desde 2005, canta bem e os arranjos não surpreendem mas também não decepcionam.
    APAIXONADO POR VOCÊ:
    Música legal, de refrão vivo (com alma), que transmite sentimento, direcionada aos peões verdadeiros, apaixonados, que quando ouvem isso no campo, na roça, devem sentir bem forte essa canção.
    Superior a qualquer música já lançada pelos universitários.
    O AMOR É ASSIM:
    A letra e o arranjo vinham muito bem, mas no refrão foi fraco demais, se fosse eu, manteria a letra só alterando o refrão, afinal não é difícil fazer um refrão (é a parte mais fácil de fazer numa letra).
    O refrão ficou bem superficial, prejudicando a letra.

    • Paulo Ricardo: (responder)
      6 de março de 2014 às 21:32

      Fake do Renan, vc não nos engana. Todos nós sabemos que o verdadeiro não gosta de nada.

      • Val: (responder)
        9 de março de 2014 às 15:29

        Renan (o verdadeiro) não vai se manifestar?
        Se este é mesmo você acabou de se formar um pequeno trinco no cristal mas vou te conceder o benefício da dúvida!
        Achei todas as letras dele muito fracas, O Luciano Silva tem toda a razão!

        • Renan - SP: (responder)
          9 de março de 2014 às 18:24

          Pessoal, sou eu mesmo.
          Como eu disse, não conheço o repertório desse cantor (só essas duas), mas ele canta bem, e já deu pra perceber qual é a linhagem dele, eu acredito que logo após o sucesso, ele não gravaria nenhuma música parecida com a onda universitária (caso tenha gravado).
          A única coisa que eu não gostei nessa primeira música, foi a bateria, pois eu gosto mais dessa levada, desse tipo de bateria no sertanejo:
          http://www.youtube.com/watch?v=3TZbXuWLk2E&hd=1

          Já na segunda música, acho que deveria alterar o refrão.
          O que me chamou a atenção, foi que nenhuma das duas fala de traição, de balada, mulher objeto, as duas falam do amor, e isso hoje em dia, está cada vez mais raro.
          Eu gosto também de uma fossa, uma bossa, uma dor de cotovelo, mas prefiro músicas em que o romance da certo ou então onde a pessoa só fala do sentimento que sente sem ninguém saber o desfecho (como é o caso da primeira música).

  • Alexandre Vieira: (responder)
    6 de março de 2014 às 16:13

    mais ou menos

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.