10 mar 2009 | Artigos,Lançamentos
Post de Segunda
Olá. Hoje é o primeiro de muitos posts dedicados à segunda voz. Pra começarmos, vou apenas esclarecer algumas das dúvidas mais comuns, já lembrando que eu não sou mestre na arte. Apenas quero passar minhas impressões, baseadas no meu escasso conhecimento sobre o assunto.

Pra começar, o que vem a ser segunda voz? Eu sou do grupo que acredita que segunda voz nada mais é que a voz que acompanha a primeira. Assim mesmo. Curto e grosso. Mas não tãããão simples quanto se pensa.

Entendam: a música é concebida pra ser cantada por uma pessoa, com uma voz. Essa voz, no caso, é a primeira voz. Então, toda e qualquer voz que acompanhe a primeira, seguindo outra tonalidade, de modo a tornar o dueto vocal afinado, de uma forma correta e agradável, é segunda voz. Seguindo essa linha de raciocínio, a terceira voz só existe quando há uma terceira pessoa cantando. É comum confundir terceira voz com aquela que se canta numa tonalidade e timbre um pouco mais elevado que o da primeira. Essa explicação vai ficar pra outro dia, com exemplos e tudo mais.

Alguns podem me achar meio radical de definir segunda voz dessa forma. Mas é nisso que acredito e, na falta de uma teoria mais profunda sobre o assunto, é no que me inclino a continuar acreditando.

Uma coisa posso dizer com certeza: segunda voz não é simplesmente backing vocal, como acreditam as moças do vídeo abaixo.

Pra citar um bom exemplo do que pode ser considerado segunda voz, econtrei esse vídeo (a qualidade não está lá essas coisas):

Notem que o professor demonstra a primeira, a segunda e o que ele acredita ser a terceira voz da introdução da música “Metamorfose Ambulante”. Se a primeira e a segunda vozes do vídeo forem cantadas em dueto, a afinação vai bater. Se for cantada a primeira com a que o professor diz ser terceira, também vai bater a afinação. No entanto, ela vai continuar sendo segunda voz, já que vai ser apenas outra voz além da primeira. A meu ver, só será terceira voz se for cantada junto com as outras duas que o professor apresentou.

Semana que vem prosseguiremos com as explicações.

8 comentários

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.