21 ago 2017 | Lançamentos
Projeto “Resenha”, da dupla Cleber & Cauan, mostra que formato “voz e violão” realmente voltou com tudo

Eis um bom exemplo de dupla que mantém uma invejável estabilidade. Cleber & Cauan conquistaram o respeito do mercado sertanejo com uma forma de trabalho consciente e sem muito estardalhaço. O resultado vem sendo mostrado a cada ano.

O curioso, entretanto, é que a dupla parece passa pela melhor fase da carreira com o projeto mais enxuto e simples que eles já gravaram: “Resenha”.

Como o próprio nome já diz, o projeto, gravado ao vivo no “Deu Praia”, em Goiânia, reproduz o clima das resenhas e cantorias, preservando o formato “voz e violão”, principalmente. Este é um dos vários projetos de grandes duplas que vem sendo lançados com esse formato nos últimos tempos, sempre com grande aceitação, o que mostra que o “voz e violão” voltou com tudo.

O projeto acaba de ser lançado na íntegra nas plataformas digitais e já pode ser conferido também no Youtube. O disco mescla grandes hits sertanejos com algumas canções da dupla, inclusive o sucesso “Quase”, que vem sendo muito bem executada pelas rádios do Brasil. Traz ainda as participações de Fernando Zor, Thaeme & Thiago, Gian, André & Andrade, Israel & Rodolffo e Tribo da Periferia.

Confiram abaixo a playlist completa do álbum.

1 comentário
  • Reinaldo: (responder)
    23 de agosto de 2017 às 10:22

    Até que enfim uma boa idéia, já estava desistindo de acompanhar os novos artistas, até porque tem muita coisa antiga para eu ouvir ainda ( Nesses dias estava ouvindo o primeiro volume do Reino Encantado do Daniel )! Está aí um ótimo formato sim! Só espero que não tenha um funk ou reggeeton em voz e violão aí!
    Espero que com esse formato artistas com ótima qualidade vocal possam ter o seu espaço.
    E tomara que nem todos o adotem, para não desgatar logo esse formato, aliás aí está o motivo dessas mudanças serem tão frequentes hoje em dia, o excesso de artistas ( ruins principalmente )!,
    Queria ressaltar também que está muito difícil de ir a algum show sertanejo de alguns anos pra cá, pô os caras ficam tocando funk, forró, etc…

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.