03 jan 2013 | Notícias
Tendências para 2013

Eu postei no início de 2011 um texto com algumas previsões para aquele ano. Não postei no ano passado e sinceramente nem me lembro o porquê. Mas acho que esse texto poderia muito bem ser uma constante aqui no blog. Por isso mesmo, retomo o tema hoje, com o que eu acho que pode acontecer na música sertaneja durante o ano de 2013. Ressalto, claro, que são só suposições. Suposições essas que não representam a minha vontade particular. Então parem de agir como se tudo o que eu escrevo aqui representasse o que eu gosto ou quero que aconteça. Assim como uma considerável parcela do público, eu gosto de um sertanejo mais tradicional. Mas não vou ser tapado e bocó como esses que ficam xingando Deus e o mundo só porque quem faz sucesso hoje em dia são os cantores mais, digamos, moderninhos. Então parem de espernear como mocinhas, por favor. A realidade hoje é outra.

* A continuidade do arrocha

Assim como adiantei no texto de ontem, não compartilho desse pensamento de que o arrocha vai evaporar da música sertaneja da noite para o dia. Acho, entretanto, que ele vai gradativamente perder a importância e a hegemonia até se tornar um ritmo sertanejo como outro qualquer, ainda com algum espaço dentro dos discos que serão lançados. Creio que essa queda gradativa de importância do arrocha vai acontecer mais acentuadamente a partir do segundo semestre. Agora no primeiro semestre, ela vai acontecer, mas com menos força. Como eu disse ontem, os principais representantes do gênero arrocha ainda vão gravar seus DVDs ou já gravaram mas ainda não lançaram. O que significa que nos próximos meses eles trabalharão as músicas dos repertório dos DVDs com bastante agressividade. Curiosamente, boa parte destes cantores já está trabalhando ou pretende trabalhar canções fora do gênero arrocha, o que já denota uma preocupação com a queda do gênero. Mesmo assim, querendo ou não, eles ainda terão que trabalhar as músicas em shows por um tempinho ainda. O lado bom disso tudo é que pelo menos agora os cantores pararam de falar “arrocha, arrocha” durante as músicas.

* Funknejo com participações de MCs

Ainda é um “movimento” restrito a Goiânia e adjacências. Como o Funknejo tradicional estava perdendo espaço, alguns artistas adeptos do “gênero” acharam que seria interessante começar a convidar os MCs responsáveis pelos funks cariocas para participar das músicas. Nem precisa ser famoso. Até acho que de vez em quando eles inventam algum MC que nem existia antes só pra colocar em uma música. E aí é um tal de Mr Catra, MC Coringa, MC K9, MC Cobra, MC Lascou, MC Ferrou, MC Deu Mal e por aí vai, em um monte de canções sertanejas sendo trabalhadas atualmente. Mas agora, com o sucesso da música “Louca louquinha”, com a dupla João Lucas & Marcelo, é bem provável que esse movimento ganhe força e talvez se espalhe para outros estados brasileiros além de Goiás.

* O sertanejo de balada

Os dois itens anterior são um reflexo da atual realidade da música sertaneja, que eu creio que ainda vai ser manter firme durante esse ano de 2013. O sertanejo continua sendo o principal segmento nas baladas, até porque ainda não apareceu nenhum outro com força o suficiente para arrancar dele este posto. O rock continua morto. O pagode vem crescendo de novo, mas são poucos os artistas com cacife o suficiente para tomar do gênero sertanejo o posto de estilo musical preferido nas baladas. E justamente por isso, ainda vamos ver muito arrocha, muito funknejo com participação de MCs, e muita música sertaneja com linguajar impróprio para menores de 18 anos mas consumido justamente por esse público.

* A volta do romantismo e do sertanejo sério

Enquanto o sertanejo de balada segue forte, entretanto, um pensamento contrário também ganha adeptos: o de que o romantismo na música sertaneja vai voltar, junto com uma postura mais séria nas músicas. Este, na verdade, é um pensamento que se reflete principalmente junto aos profissionais do meio. O público ainda parece estar longe de clamar por isso. Entre os profissionais do meio, as rádios têm feito a sua parte com a intenção de fazerem uma programação um pouco mais séria. Algumas mais tradicionais têm proibido seus programadores de incluírem canções de gosto duvidoso nas playlists. Aliado a isso está o fato de que os artistas realmente consagrados, os que já têm seu espaço consolidado, ainda não se deixaram levar pelas facilidades e benesses do sertanejo de balada e, pelo menos ao que parece, ainda estão priorizando um estilo mais sério. A intenção é que os jovens artistas, que estão cagando pra esse papo de seriedade, sigam o exemplo. Pode ser que isso aconteça, ainda que demore um pouco mais do que achamos. Afinal de contas, do lado oposto ao das rádios temos a Internet. E na Internet não adianta compra de views, de likes no Facebook e nem escolher o que o público deve ou não ouvir. Na Internet o público é o soberano.

*  Música sertaneja de passarela

Falei sobre esse tema NESTE TEXTO. A ideia de que a atual fase da música sertaneja caminha também para valorizar atributos até então pouco importantes: a beleza. Mas não uma beleza qualquer, uma beleza típica de modelos. Citei alguns nomes inclusive. Na verdade, creio que um novo nicho foi inaugurado. No lado masculino, o Mariano começou a mostrar o artista sertanejo não só como cantor, mas também como símbolo sexual. No lado feminino, a mesma coisa foi feita pela Paula Fernandes. No início ela relutava, mas com as fotos de divulgação do seu disco mais recente, vimos que a Paula Fernandes abraçou a sua sensualidade e passou a usá-la também como uma arma de divulgação. Ontem, coloquei o nome do Lucas Lucco como a principal aposta para o ano de 2013. E ele segue justamente esse perfil. Creio que veremos ainda mais artistas nessa linha no decorrer do ano, tanto homens como mulheres.

* Os discos que vão agradar

2013 já desponta com pelo menos três possibilidades dentro da lista de discos preferidos ou de melhores discos do ano. Fred & Gustavo lançaram há alguns dias 4 músicas que foram elogiadas por 100% das pessoas que as ouviram, pelo menos aqui nos comentários do blog. As músicas carregam as melhores características da música sertaneja considerada de qualidade, o que já credencia o disco da dupla possivelmente como um dos melhores do ano. Apesar de que eles já disseram que pretendem fazer um disco extremamente controverso, com metade das músicas naquela linha e a outra metade na linha contemporânea, ou seja, “sertanejo de balada”. Já ouvi algumas delas inclusive. Vai ser engraçado ver a reação do público mais conservador. Vão se sentir como se estivessem sendo acarinhados de um lado e espancados do outro, hehe.

João Bosco & Vinícius também estão preparando, aos poucos, um disco com canções clássicas, todas com participações de grandes nomes da história da música sertaneja, em versões acústicas gravadas também em vídeo dentro do estúdio VIP, do produtor Dudu Borges. A dupla já gravou várias faixas, incluindo as que têm a participação de Chitãozinho & Xororó, Chico Rey & Paraná, Matogrosso & Mathias, entre outros. Um disco daqueles que quase ninguém tem sequer coragem de falar mal.

Sem contar também que em 2013 a dupla Jorge & Mateus lança provavelmente o maior disco da carreira, com a releitura de várias músicas da carreira da dupla acompanhados por cordas, num DVD gravado num dos mais lendários palcos do mundo, o Royal Albert Hall, em Londres.

__________

São essas algumas das tendências para o ano de 2013, pelo menos na minha humilde visão. Mais uma vez o espaço de comentários está aberto às discussões tradicionais. Mas por favor, sem comentários como “jabá isso, jabá aquilo”. Isso é tão previsível e maçante. Sejam um pouco mais criativos, pelo menos.

30 comentários
  • Thiago Elias: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 14:52

    1,2,3… Xis. Testando. =D

  • Vitor Martins: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 15:15

    Marcão Show de Bola… Creio eu que o sertanejo romântico voltará com força total como você cita, O Arrocha e o Funknejo são tendências passageiras no meio e que logo perderão um pouco de espaço (pelo menos acho isso) Forte Abraço!!!

  • Marijleite: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 15:18

    Só não gosto do funknejo, infelizmente a qualidade do funk que toca nas rádios caiu muito (10 anos atras eu ouvia dois programas só de funk no rádio, hoje eles ainda existem mas não ouço mais por que as músicas só falam de criminalidade e “putaria”); espero que isso não aconteça com o sertanejo. Fico feliz que toque sertanejo nas festas e que as pessoas dancem e cantem, e gosto também do sertanejo mais romântico. Acho que não se deve restringir ou encher de regras o sertanejo, esse gênero musical ainda tem muito espaço para crescer no país e fora dele também. Sobre a música sertaneja de passarela, se os cantores, além de serem bonitos, cantarem bem; que mal tem?!
    http://www.petalasdeliberdade.blogspot.com

  • Glauber: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 15:24

    Muito interessante a matéria, espero que realmente o sertanejo se torne mais sério, mais profissional e menos modinha.
    Acredito que tenha outras tendencias por ai o Cd em estudio do Gusttavo Lima com produção do zeze, o Cd do fernando e sorocaba que deve ser em estudio também o DVD de Israel e Rodolffo e o DVD Cesar Menotti e Fabiano

  • vanessa brito: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 15:45

    Deus e meus ouvidos q ouçam + qualidade em 2013. Agradeço mt ao Dudu Borges por resgatar Bruno e Marrone ta aí 1 exemplo d q pode se modernizar sem perder a identidade vejo Israel e Rodolfo como promessa, imagino o espetáculo desse trabalho d João Bosco e Vinícius e nem tenho o q falar d Jorge e Mateus trilha d minha vida q tbm lançarão 1 livro.

  • Daniel Assis: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 15:59

    Espero que voce queime a lingua sobre o funknejo com MCs! Aquele trenzinho é ruim demais da conta! kkkkk

  • Fábio Roque: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 17:39

    É mais ou menos isso que parece que vai acontecer mesmo. E segundo as previsões de Marcustradamus os cantores feios tão fudidos mesmo! rsrsrs
    Vamo ver, segue o baile!

  • Bruno: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 19:48

    Não é falar mal do cd João Bosco e Vinícius, e sim falar mal do João Bosco e Viníus, que é uma das piores duplas da atualidade, pensa se o bolero com o Bruno e Marrone já ficou feio, imagina o que vai ser com o Matogrosso e Mathias. rsrsrsrsr

    • Victor235: (responder)
      5 de janeiro de 2013 às 14:42

      MT&M é foda, ainda mais em acustico. Creio que vai ficar boa a parceria sim.

  • Alex: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 20:43

    Tantas e tantas vertentes podem ser exploradas na música sertaneja, onde foi parar o arrasta-pé e tantos outros estilos dentro do gênero?Não acho que o problema seja o “Arrocha” ou o “FunkNejo” tudo é válido com criatividade, o que fica chato pra caralho é enxergarem a música como mero comercio, onde todo mundo resolve gravar a mesma coisa, “Arrocha, carro importado, pegar alguém,” tudo produzido numa forma de “linha de produção”, mesmo som de sanfona e bateria, mesma estrutura harmônica, pra mim isso tudo soa a mesma coisa e ouvir radio passa ser insuportável, a responsabilidade é exclusivamente dos artistas, eles que criam, e que a tendencia para 2013 seja. NOVIDADES.

    Bom de mais o texto marcão, abraços.

  • Admirador do Sertão: (responder)
    3 de janeiro de 2013 às 23:08

    Quanta baboseira. Tô começando a pensar que o mundo acabou mesmo no dia 21 de dezembro pra esse blogueiro viu. Ele gasta o tempo precioso dele pra esquecer coisas que todo mundo já sabe que vai acontecer. E o pior, acha que acabou de escrever algo inédito. É de rir pra não chorar.
    E tem mais, se ele não citar o produtor favorito dele em um texto, pra ele não ta bom né. Ah, peguem a vibe desse blogueiro, pois ele é o cara mais esperto do mundo, e segue o taxi —–>>

    • Marcus Vinícius: (responder)
      4 de janeiro de 2013 às 10:19

      putz, cara, você não perdoa uma hein. O que dizer, ainda por cima, de quem nem usa o próprio nome pra comentar? Monta um blog aí pra você pra me rebater e me dá sossego aqui. Vidinha chata essa sua de ficar esperando eu postar qualquer coisa pra ficar me enchendo o saco.

      • Admirador do Sertão: (responder)
        4 de janeiro de 2013 às 19:07

        Quanta mesquinhez hein…

        • Marcus Vinícius: (responder)
          4 de janeiro de 2013 às 19:31

          Mesquinhez vc vai ver a partir de agora. Crítica construtiva, opinião contrária, debate, isso eu aceito e até estimulo. Mas gente babaca feito você que não quer mais nada além de apenas causar discórdia eu não sou obrigado a aceitar. E eu tenho pelo menos a opção de apagar comentários de gente assim. Pois a partir de agora, os seus comentários não vão mais entrar no blog. Tá bom assim pra você? Beijos e abraços e até nunca mais.

  • Júlio: (responder)
    4 de janeiro de 2013 às 00:14

    Amigo Bruno…Se João Bosco e Vinicius são uma das piores duplas com Grammy Latino nas costas,mais de 3 milhões de discos vendidos na carreira,e agora estão reunindo os mitos pra gravar com eles,sinceramente não sei quem é bom.Lembrando que da nova geração só eles e os Menótis tem esse prêmio que na minha humilde opinião é o mais importante e cobiçado da América Latina.O seu problema é ter que aturar os caras tanto tempo fazendo sucesso.kkkkkk
    Idéia boa é pra quem pensa e tem moral de reunir um time de ponta seu burro.Os caras estão gravando com os artistas sertanejos mais importantes da história da música caipira,só isso mané.
    Se vc se acha foda me fala que conseguiu obter essas qualidades que escrevi acima? Difícil né…Kkkk

  • Victor235: (responder)
    5 de janeiro de 2013 às 14:41

    ”O lado bom disso tudo é que pelo menos agora os cantores pararam de falar “arrocha, arrocha” durante as músicas.” Bem lembrado hehe.

    Esse CD do JB&V parece que vai ficar bom demais, hein. JB&V com MT&M, Chico Rey & Paraná acústico em estudio. Era o que estavamos precisando, rs. Mas eles nao vao gravar nada especial pra comemorar os 20 anos? Um DVD com releituras de Tatuagem, Quero Provar Que Te Amo, aquelas musicas antigas que fizeram sucesso?

    Abraço.

  • glauber: (responder)
    8 de janeiro de 2013 às 09:15

    Marcão, tenho uma sugestão pra voce, faça uma lista com os mehores shows do ano de acordo com sua opinião ou opinião do ano. Que tal? faz uma enquete.
    De acordo com os shos que assiti minha lista ta ai:
    1 – Fernando e Sorocaba 2 – Zezé di Camargo e Luciano 3 – Gusttavo Lima 4 – Jorge e Mateus 5 – Luan Santana 6 – Michel Teló

  • Fabio Nizza: (responder)
    10 de janeiro de 2013 às 18:58

    Galera somos de Fernandópolis – SP, quando puderem confiram nossas músicas no youtube, obrigado pela atenção.

    Abraço,

    Fabio Nizza & Fernando

  • alan: (responder)
    16 de janeiro de 2013 às 15:43

    Tomara que no cd do joao bosco e vinicius tenha o zeze e luciano…iria ficar bom…

  • Ralph Galano: (responder)
    14 de julho de 2013 às 21:36

    I just want to tell you that I’m beginner to weblog and definitely liked you’re page. Likely I’m planning to bookmark your site . You definitely have incredible writings. Appreciate it for sharing with us your webpage.

  • Paige Realmuto: (responder)
    17 de julho de 2013 às 06:13

    OMG JUST PLAYED GRAND THEFT AUTO 5!

  • read what he said: (responder)
    17 de julho de 2013 às 23:17

    You’re so awesome! I do not think I have read through something like that before. So great to find somebody with genuine thoughts on this topic. Really.. thank you for starting this up. This web site is something that is required on the internet, someone with some originality!

  • try here: (responder)
    18 de julho de 2013 às 01:16

    Hey there this is kind of of off topic but I was wondering if blogs use WYSIWYG editors or if you have to manually code with HTML. I’m starting a blog soon but have no coding skills so I wanted to get advice from someone with experience. Any help would be enormously appreciated!

  • poker download uk: (responder)
    19 de julho de 2013 às 15:07

    Wow, amazing blog layout! How long have you been blogging for? you make blogging look easy. The overall look of your site is great, as well as the content!

  • refillable leather sketchbook: (responder)
    20 de julho de 2013 às 10:37

    Zune and iPod: Most people compare the Zune to the Touch, but after seeing how slim and surprisingly small and light it is, I consider it to be a rather unique hybrid that combines qualities of both the Touch and the Nano. It’s very colorful and lovely OLED screen is slightly smaller than the touch screen, but the player itself feels quite a bit smaller and lighter. It weighs about 2/3 as much, and is noticeably smaller in width and height, while being just a hair thicker.

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.