01 jul 2015 | Top Five
TOP FIVE – Apostas para o segundo semestre de 2015

Novo semestre começando e espero que as tragédias do primeiro semestre tenham ficado para trás, restando apenas as lembranças boas dos que se foram, como Cristiano Araújo, José Rico, Inezita Barroso e tantos outros. A partir de agora, falemos apenas de coisas boas. Queira Deus que não precisemos trazer mais notícias ruins por um bom tempo.

E como em todo começo de semestre, está na hora de fazer a nossa lista de apostas para os próximos meses. Mas assim como nas últimas listas, desta vez esbarrei de novo numa dificuldade: a rapidez com a qual as coisas andam acontecendo. Nos últimos tempos as coisas andam tão frenéticas que um artista ou dupla que no comecinho do ano era um solene desconhecido já emplaca um hit e vira uma aposta em menos de 3 meses e, no começo do semestre seguinte, quando entraria de fato na lista de apostas aqui do blog, já é uma realidade. Como proceder diante de uma situação dessas, levando em conta que eu transformei essa lista num top five semestral justamente por isso? Bem, a opção mais lógica seria desmembrar o Top Five de apostas e soltar, que seja bimestralmente, uma matéria destacando um ou dois nomes que estão começando a sacudir o mercado. Mas aí a tradição da lista semestral de apostas no blog perderia completamente o sentido.

Um outro problema que encontrei nas últimas listas foi o de apostar em nomes que eu acreditava e ainda acredito mas que não possuem ainda uma estrutura capaz de encarar o mercado de frente, como infelizmente se tornou obrigatório com o passar dos anos. Aí o artista não acontece antes que outra lista de apostas seja postada e aparecem um monte de haters nos comentários questionando a credibilidade do blog. Por mais que eu insista nisso, muita gente ainda não entende que o fato da lista ser semestral não faz com que eu esteja considerando apenas o semestre em questão. O artista ou dupla pode demorar um pouco mais do que o esperado para acontecer.

Nossa lista deste semestre também segue uma tendência interessante que será analisada em um outro texto aqui no blog, ainda essa semana: os brutos estão cada vez mais fortes. Mais do que se imagina.

Bem, segue abaixo a lista. Lembrando, como sempre, que não foram incluídos nomes que já estavam em listas passadas (o link com todas as nossas listas de apostas é ESTE). Então, LARGA DE PREGUIÇA e dá uma conferida nas listas anteriores antes de reclamar da ausência deste ou daquele nome.

5) Manutti

Um dos termômetros que utilizo pra saber o quanto determinado artista está indo bem é se as pessoas começam a me pedir com muita frequência o contato do empresário. Se começa a ficar frequente, sei que o cara está indo bem. Tem sido assim com o Manutti. Provavelmente o bruto mais bruto do mercado sertanejo na atualidade. A carreira solo (ele era da dupla Rui Netto & Manutti) começou há bem pouco tempo, mas está indo de vento em popa e numa rapidez impressionante, o que demonstra o quanto esse movimento do sertanejo bruto anda em alta junto ao público. Os artistas dessa praia parecem não sofrer rejeição. Ao contrário. E o Manutti, por trazer estampadas as principais características dessa vertente sertaneja, que nem é tão nova assim mas que depois de Jads & Jadson explodirem nacionalmente começou a bombar, é um dos nomes mais promissores desse subsegmento.

4) Lu & Robertinho

Curiosamente, eles ainda não haviam entrado em nenhuma lista de apostas do blog. Talvez porque com o Mashup a coisa fosse um pouco mais complicada. Mas agora, em nova fase, com o apoio irrestrito de uma mega gravadora e um DVD de alto nível, a dupla tem tudo para migrar do circuito das boates para o das feiras e grandes eventos. Possuem talento e qualidade vocal pra isso e também um ótimo repertório de inéditas, gravadas neste primeiro DVD da carreira.

3) Padre Alessandro Campos

Ele já virou uma realidade. Com seu programa na TV Aparecida (aliás, esse alcance gigantesco da TV Aparecida junto ao público sertanejo mais tradicional merece ser objeto de análise por aqui), ele já havia conquistado uma fatia do público que o grande mercado costuma esquecer. Quando começou a se lançar como cantor, então, unindo duas vertentes que enchem os olhos e bolsos das gravadoras (a música sertaneja e a cristã), a carreira decolou de vez. Seu disco “O que é que eu sou sem Jesus”, que tem como carro-chefe uma paródia religiosa da música “O que é que eu sou sem você?”, gravada por Di Paullo & Paulino, vendeu, pasmem, 900 MIL CÓPIAS. Foi o único brasileiro na lista Top 50 de álbuns mais vendidos do mundo em 2014. Isso mesmo, DO MUNDO. Gravou recentemente um DVD, que deve ser lançado neste segundo semestre e consolidar de vez o espaço dele na música. Não digo que ele vai ser uma fábrica de hits, mas sim que vai explorar muito bem esse espaço sempre concedido aos padres carismáticos na TV e em outros veículos. E todos sabemos como a mídia e o público adoram os padres. Padre Marcelo e Padre Fábio de Mello que o digam. Um padre sertanejo, então, nem se fala.

2) Victor Hugo & Americano

Nova aposta do empresário que descobriu o cantor Lucas Lucco, que também é sócio e padrinho do projeto, essa dupla tem sido bastante elogiada pelo disco “Beijo Envenenado”, recém lançado, e o trabalho recém iniciado em rádios tem começado a render bons frutos. Já estiveram este ano na grade da Fenamilho, uma das principais festas do país. A quase inexistente rejeição que a dupla tem conquistado junto ao exigente público sertanejo os coloca como grande aposta, o que deve se consolidar com um DVD a ser gravado em breve. E quem não ouviu o disco, dá um jeito de ouvir, porque ficou realmente muito bom.

1) Bruno & Barretto

Esse é um caso como poucas vezes se viu dentro do gênero sertanejo. Quem acompanha o blog deve lembrar que nos primeiros dias de janeiro a música “Farra, Pinga e Foguete” foi lançada aqui e em outros veículos da web. Em pouco tempo, a dupla assinou contrato com a Lobos Produções, escritório responsável pela carreira da dupla Conrado & Aleksandro, lançou uma nova versão da música, começou um trabalho intensivo de montagem da agenda de shows e chegou ao impressionante número de 90 shows vendidos em um curtíssimo espaço de tempo. Tudo isso aproveitando a força da música lançada e o know-how dos empresários envolvidos no projeto, que aproveitaram a ida do Loubet para a FS para se dedicar 100% aos novos artistas do escritório. Bruno & Barretto já começaram a trabalhar em outros estados e se apresentam esse ano inclusive em Barretos, um feito e tanto para uma dupla tão nova. O ponto negativo talvez seja a impressionante semelhança vocal com Jads & Jadson, o que causa uma certa confusão na cabeça de quem ainda não conhece a dupla, mesmo a linha de trabalho sendo ligeiramente diferente, apesar de ambas as duplas serem representantes desse subsegmento “bruto” que eu mencionei acima e sobre o qual falarei mais detalhadamente ainda essa semana (espero). Mas nada que comprometa o trabalho de Bruno & Barretto, que vem sendo muitíssimo bem conduzido.

É óbvio que, como em toda lista, alguém que também está em alta sempre fica de fora, afinal são apenas cinco nomes em cada. Abaixo, uma listinha de nomes que não entraram na lista acima mas que merecem uma atenção especial e que devem fazer muito barulho nos próximos meses e que devem entrar numa próxima lista.

* Thiago Matheus: explodiu na web com dois clipes e abriu a agenda de shows para o segundo semestre já em alta. E ainda tem o respaldo do Giuliano Matheus.

* Lucas Reis & Thácio: os melhores violeiros da atualidade gravam um DVD em duas semanas com participações de peso como João Carreiro, Jads & Jadson e Munhoz & Mariano.

* Jefferson Moraes: o primeiro CD pela Audiomix, com produção do Pinocchio, sai em algum tempo. E é Audiomix, que nunca dá ponto sem nó, né?

* Gabriel Diniz: tem tudo pra ser o primeiro nome do nordeste que mistura sertanejo e forró a despontar também no grande mercado das regiões mais ao sul.

* Rodrigo Marim: a próxima grande aposta de Ivan Miyazato e Marco Aurélio, que ainda goza de um enorme fã-clube na web.

* Felipe & Zé André: dois grandes compositores que ainda tem como vantagem o forte círculo de amizades e a experiência das pessoas envolvidas no projeto.

* Zé Barrero & Catuaba: humor sempre é uma coisa complicada de se trabalhar, mas tudo depende da estratégia e eles têm conseguido chamar a atenção mesmo seguindo essa linha tão polêmica. Eu, particularmente, acho incrível.

Enfim, é só ficar de olho. Comentem aí embaixo, como de praxe, e reclamem o quanto quiserem.

34 comentários
  • Diego: (responder)
    1 de julho de 2015 às 16:44

    O Manutti tem tudo para estourar esse segundo semestre CD bruto DMS

  • Johnny: (responder)
    1 de julho de 2015 às 16:48

    Acredito muito em Victor Hugo e Americano. Com um trabalho de formiguinha eles vão longe!

  • emerson: (responder)
    1 de julho de 2015 às 17:03

    Bruno e Barreto e cd e top demais, os meninos estao andando “sozinho” tocando em varias festas as musicas deles.Rodrigo Marim e um “Lucas Lucco’ da vida, fraquinho, porem o cara e “presenca”com a mulherada, tem um fa clube forte, vai estorar na “marra”.

    O padre nao fazia ideia. Quero ver o trabalho VitorHugo e Americano.

  • emerson: (responder)
    1 de julho de 2015 às 17:15

    Vendo todos suas apostas de a primeira, podemos dizer que voce acertou 60% das apostas.

    Uma pena ainda que Kleo Dibah e Rafael nao tenha alcancado o sucesso merecido, ali sobra talento. Vamos ver se com GL empresariando vai.

    • Leonardo: (responder)
      1 de julho de 2015 às 18:05

      Cara, vc pode nao gostar do que vou te falar… mas humildade ali nao existe.
      Todas as vezes que encontrei esses caras, o desprezo só aumentou.
      De nada vale cantar muito, e faltar humildade (de verdade)… no fundo, tudo sempre tem uma explicação.

  • Fernando Magno: (responder)
    1 de julho de 2015 às 17:24

    Boa tarde Marcus!
    E a dupla Relber & Allan da cidade de Ipatinga, MG?
    São vencedores da garagem do faustão e são bem conhecidos na região de Minas Gerais e até fora em alguns estados, turnês internacionais, muita música boa e não saiu na sua seleção?
    Acho que seria legal fazer uma matéria falando dos participantes, algo assim.
    Gosto muito deles, acho super profissionais e a galera curte muito, não seria interessante?

    É só uma opnião.

    Abraços!

    Fernando

    • José: (responder)
      1 de julho de 2015 às 19:06

      Companheiro.. curto muito o trabalho do Relber & Allan. Gravaram um dvd cheio de músicas boas (sai dessa vida, quer ir mais eu vamo, to nem aí, valeu, de corpo e alma..) entre tantas outras. Mas vou te falar aqui, acho que perderam o timming da carreira deles.. quando estavam em maior evidência, ali no faustão, não investiram pesado (ou não tiveram um investidor), e acabaram estagnando a carreira.. Lançaram com Humberto e Ronaldo uma música (muito boa por sinal pra balada), porém, nada além. Fico no aguardo de os ver em um patamar maior, o gordim canta muito!!

  • Ricardo: (responder)
    1 de julho de 2015 às 17:49

    Marcão o CD do Victor Hugo e Americano é bala , agora o Show ao vivo é pipoco,fui em um show deles aqui na Barraca Universitária em Maringá fiquei impressionado,cantam demais!Aposto neles também Boa!

  • Fernando Abidu: (responder)
    1 de julho de 2015 às 18:34

    Gosto e acredito na dupla Ze vitor & Ryan … musica “Ce é louco cachoera“ .

  • Fábio: (responder)
    1 de julho de 2015 às 19:16

    90% desta lista não canta nada aovivo e se acham

    • Flávia: (responder)
      2 de julho de 2015 às 00:39

      Acho que antes de comentar vc precisa escutar ao vivo mesmo, ainda bem que deixou seu 10% pq a dupla Victor Hugo e Americano já tive o prazer de acompanhar e canta demais da conta ao vivo, se quiser te mando vídeos…

  • Romário Víctor Soares de Sousa: (responder)
    1 de julho de 2015 às 19:17

    Jads e Jadson escola.

  • Gustavo: (responder)
    1 de julho de 2015 às 21:35

    PÔ MARCÃO , Cade a dupla Mariana e Mateus , eles gravaram um dvd recetemente com partipações de fiduma e jeca e bruninho e davi , eles estão fazendo sucesso em lodrina, chamaram atenção de varios escritorios

  • SOUSA: (responder)
    1 de julho de 2015 às 21:40

    MARIANA E MATEUS , DEVERIAM SER CITADOS , MAIS FICAM PRA PROXIMA,

  • Felippe Said: (responder)
    1 de julho de 2015 às 22:41

    Compareço todos os anos na Fenamilho e te falo: muito dos grandes nomes do sertanejo atual não tiveram a presença e arregaço de show que Victor Hugo e Americano tiveram esse ano la. Foi consenso geral que foi um dos 3 melhores shows… aquela região é um termômetro nacional… aposto que vão longe

  • Adilson: (responder)
    2 de julho de 2015 às 00:55

    Manuti em talento

  • Nashy: (responder)
    2 de julho de 2015 às 01:04

    MAnutti tem uma voz diferenciada e bonita demais e Bruno e Barreto não vejo tanta semelhança assim com a voz do Jadson, repertório deles é top, estouro com ctz

  • Pedro henrique: (responder)
    2 de julho de 2015 às 01:20

    Marcao concordo em tudo mas faltou uma dupla!!! Ja prestarao atençao nos meninos Mario Peres e Agroboy ? Esses sim vao ser o extouro de 2015

  • Leo Maringá: (responder)
    2 de julho de 2015 às 01:43

    MeuDeus! Com a proteção do Padre; Acho que o Zeva deveria analisar a lista. Não tem nada ai… Com a benções do Padre.

  • Victor: (responder)
    2 de julho de 2015 às 01:49

    Manutti é muito bom. Conheci na rádio ZonaDez e tem várias músicas que gostei.

    Sobre o Padre Alessandro Campos, eu já havia imaginado se a música em questão era uma versão ou mesmo plágio da música do Di Paullo & Paulino.

    Parece que a música do padre acabou ficando mais conhecida que a da dupla. O que seria uma “paródia religiosa”? A versão foi autorizada?

    Bruno & Barretto estão subindo rápido mesmo. A música “Farra, pinga e foguete” já está despontando em vários lugares. São algo como Jads & Jadson misturado com Pedro Paulo & Alex.

  • maicom silva: (responder)
    2 de julho de 2015 às 09:14

    acredito nesta dupla Zé Vitor e ryan, quem vem com um hit que promete Cê é loco cachoera , e muito
    mais que vem por ai, constelação,só pode ser macumba,cola em nós,camarote, e muito mais em breve.

  • Fernando: (responder)
    2 de julho de 2015 às 13:40

    Lu & Robertinho são bons, mas precisa virar a página com relação aos mashups. Gosto também do trabalho do Padre Alessandro Campos. Bruno & Barreto estão indo bem também e espero que mantenham assim.

    Minhas apostas são Loubet (que foi para a FS e vem gravando boas músicas), Conrado & Aleksandro (a música de trabalho atual traz uma pegada diferente dos demais) e Israel & Rodolffo (que se deram bem entrando na CA Produções, pois estão saindo mais do estado de Goiás)

  • reginey: (responder)
    2 de julho de 2015 às 14:33

    Não esqueçam da dupla Felipe & Zé André, eles tem muito potencial e talento confiram a moda delas….Felipe e Zé Andre – Noite Fracassada

  • Leonardo Barros: (responder)
    2 de julho de 2015 às 16:59

    kkkk Ainda bem que você falou pra voltar nos outros, porque já ía reclamar do Zé Neto e Cristiano não estarem na lista…

  • Marcinho Sertão: (responder)
    2 de julho de 2015 às 17:29

    Gostei de alguns nomes, apesar de não concordar com a ordem. Pra mim a lista e a ordem seria:

    1-Thiago Matheus
    2-Bruno e Barreto
    3-Edson e Vinicius
    4-Camila e Haniel
    3-Ze Neto e Cristiano

  • Juninho: (responder)
    2 de julho de 2015 às 20:04

    Gostei muito do artigo interessante demais! Lucas Reis & Thácio são top demais na viola arrebentam!! Acho que faltou mencionar Paulo & Cabral, pelo que vi estão pequenos mas o potencial é enorme escutei 3 musicas no youtube e me surpreendi, ouvi tocar so na zonadez.

  • Celso: (responder)
    2 de julho de 2015 às 20:07

    vocês comentam o dono do blog nem deve ler kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Luana: (responder)
    3 de julho de 2015 às 08:07

    Victor Hugo e Americano são perfeitos,gosto muuuito das musicas “Pra lembrar de mim e minha” :)

  • Fabio Roque: (responder)
    4 de julho de 2015 às 11:06

    Tem que falar da TV Aparecida mesmo, demorou!

  • Denis: (responder)
    4 de julho de 2015 às 16:58

    Nossa…fui ler as outras listas e o mais absurdo é o Gustavo Mioto….muito ruim e sem talento…rui..ruim..ruim…

  • Junim: (responder)
    5 de julho de 2015 às 03:03

    Mioto é o pior ali cara chato ruim, vai arrumar outra coisa para fazer lixão!

  • Pedro: (responder)
    8 de julho de 2015 às 18:43

    Galera deem uma olhada nesses meninos
    são compositores, ouvi a música deles e fiquei impressionado com a qualidade vocal, apesar de ainda não serem conhecidos, pra mim se alguém investisse daria bons frutos https://youtu.be/93glCXKecTw

  • SOUSA: (responder)
    9 de julho de 2015 às 03:07

    Felipe e Ferrari , com a musica A CARTA DE LARISSA , e a musica mais tocada em cuiaba e campo grande, sem falar do Edson e Vinicius com FEINHO (ZERO DE CHANCE) AINDA TEM O PAULINHOS REIS , HEITOR LANDEN , LEO MOREIRA, MILTON NUNES, ENTRE OUTROS

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.