02 jul 2009 | Top Five
TOP FIVE – Brigas entre parceiros

Aproveitando o ensejo da briga do Edson com o Hudson, hoje vamos trazer à tona algumas das brigas entre parceiros mais emblemáticas da história da música sertaneja. O estranho é que se ouve de tudo sobre essas histórias, então fica até difícil concluir o que é verdade e o que não é. Os textos aqui escritos dizem respeito às histórias mais famosas sobre esses assuntos.

MATOGROSSO & MATHIAS

matogrosso-e-mathias1

O fim da formação original foi marcado pela desavença escancarada em alguns programas de TV. Dizem que a história começou antes da gravação do DVD da dupla. Acontece que o Mathias passava por alguns problemas de saúde e queria que a gravação fosse adiada, o que o Matogrosso não permitiu que acontecesse. A gravação ocorreu, mas a divulgação do trabalho ficou marcada por diversas ausências do Mathias. Pouca gente lembra, mas o DVD conta com a participação do cantor Issac Jr. Acontece que o Matogrosso começou a levar esse rapaz para substituir o Mathias nas apresentações. O problema é que ele esteve até em programas de TV (no Ratinho, por exemplo) dizendo que aquele rapaz era sobrinho do Mathias e o próprio tinha autorizado essa substituição. Alguns dias depois, no entanto, o Mathias foi ao programa da Sônia Abrão revelar que, na verdade, o rapaz era sobrinho do Matogrosso e o que não tinha autorizado essa substituição. Ficou por isso mesmo. O Isaac assumiu o nome “Mathias” e o Matião saltou fora da jogada.

TIÃO CARREIRO & PARDINHO

tiao-carreiro-e-pardinho

Quando o Tião Carreiro morreu, ele estava cantando com o Praiano. O fato é que com seu parceiro mais tradicional, o Pardinho, a relação nunca foi muito boa. É famosa, por exemplo, a história de que os dois cantavam de costas um pro outro, tamanho o ódio (ou rancor, sei lá) que sentiam um pelo outro. Incrível, no entanto, como essa dupla é uma das que mais influenciaram as duplas que vieram depois, mesmo tendo todos esses problemas de bastidores.

EDSON & HUDSON

edson-e-hudson1

Todo mundo já sabe o que aconteceu. Quem não sabe, é só dar uma olhada nos textos da semana passada. A briga ganhou contornos dramáticos depois que o Hudson declarou em entrevista que o Edson agrediu a esposa dele. Até um boletim de ocorrência foi lavrado por ela na delegacia da mulher, conforme o guitarrista afirmou. Verdades ou mentiras à parte, o fato é que a dupla prossegue junta até o fim do ano. Segundo o Hudson, somente por força de contrato, já que sua vontade era acabar a dupla logo de uma vez. O mais recente trabalho era para ter sido o penúltimo, mas ganhou de última hora o título de “Despedida” e acabou sendo o último mesmo.

JOÃO MINEIRO & MARCIANO

joao-mineiro-e-marciano

Uma das brigas mais enigmáticas da história da música sertaneja. Nada sobre essa história foi bem explicado. O clima sempre deu a entender que o grande culpado pela separação seria o João Mineiro. Mas alguns rumores transformam o Marciano no real culpado. A briga teria começado quando o Marciano deu uma musiquinha para seus cunhados gravarem. Era uma musiquinha qualquer, chamada “Fio de Cabelo”. O fato é que essa musiquinha estourou, se tornou um divisor de águas na música sertaneja e deixou o João Mineiro muitíssimo nervoso sobre o que poderia ter acontecido com a própria dupla caso eles tivessem gravado a canção e não Chitãozinho & Xororó. Aliado a isso, a relação se deteriorou ainda mais quando, conforme esses rumores, o Marciano passou a achar que carregava a dupla nas costas e resolveu dar início à carreira solo. Foi a gota d’água para o João Mineiro, que teria emitido um sonoro NÃO quando o Marciano tentou voltar a cantar com ele. Como o nome da dupla é de propriedade do João Mineiro, o Marciano continuou com sua carreira solo, mas nenhum dos dois alcançou o mesmo sucesso de antes.

JACÓ & JACOZINHO

jaco-e-jacozinho

Desde criança meu pai me conta a história de quando ele era pequeno e ouviu no rádio a notícia de que o Jacó e o Jacozinho teriam brigado nos bastidores de um show e, acidentalmente, o Jacó teria matado o Jacozinho com uma paulada (ou cadeirada, sei lá). Pesquisando na internet, encontra-se todo tipo de história sobre a morte do Jacozinho. Problemas do coração, queda e tudo mais. Tudo isso me faz até duvidar da história contada pelo meu pai, que eu escuto desde criança. Mas é tanta gente que conta essa mesma história, que eu nem sei quem é que fala mesmo a verdade.

Agradecimentos ao meu parça Fabinho Dorneles pelo empenho na realização desta postagem. Até a próxima, minha gente…

20 comentários
  • maradona de jaborandi: (responder)
    27 de março de 2012 às 21:14

    o povim mentiroso que tai nesses comentario…pelamor de Deus, e eu tambem sou pai do tiao, kkkkkk

    • Dario Sanchez Dias.: (responder)
      30 de janeiro de 2017 às 19:15

      Também ouvi u
      Que um meteu o facão no outro

  • Anônimo: (responder)
    7 de abril de 2012 às 13:58

    vcs nao sabem de nada. nem o joão mineiro sabe o motivo do marciano nao querer mais cantar com ele, o maior sentimento da vida dele era a separação dessa dupla, ele tinha uma grande amizade com o mariano mais nunca aceitou a separaão com o marciano , e 20 dias antes dele morrer ele tentou encontrar um contato para falar com o marciano que negou atendelo, o joão queria ir ate o marciano não para voltar a dupla, mais queria perguntar o marciano o porque de tanto ódio, pois o marciano ja morou em sua casa e o joao deu ate roupa para ele vestir, o joão queria saber o motivo para poder dizer [me perdoa] mais isto não foi possivel, e o joão mineiro levou pro tumulo esse nó que estava na sua garganta a mais de vinte anos. o dvd que o joao fez com o marciano ta sem lançar a mais de um ano porque o marciano entrou na justiça e travou, tem 10.000 cópias na gravadora radar recordes, para serem quebradas, e o marciano ta ai chorando e levando vantagem emcima do es parceiro que ja morreu.

    • Armando Delminda: (responder)
      5 de dezembro de 2013 às 14:10

      Vocês estão todos por fora. O assunto é o seguinte. O João Mineiro ficou sabendo que o Marciano andou falando que carregava a dupla nas costas. A gravadora havia feito de forma que a voz nas canções praticamente não aparecia o João Mineiro. Com medo de ser abandonado pelo Marciano, João Mineiro procurou um advogado que lhe aconselhou fazer um registro as escondidas do Marciano como proprietário da dupla. Assim, caso fosse abandonado pelo Marciano teria direitos garantidos. E aconteceu o que João Mineiro previa. Marciano, abandonou João Mineiro que logo se uniu ao Mariano. João Mineiro, no primeiro Show com Mariano, anunciou na cidade de Curvelo Minas Gerais, um show como João Mineiro e Marciano, ai começou o ódio de Marciano. Deu justiça pelos meios. Portanto, João Mineiro sabia sim do motivo e Marciano o tinha como um traira. O Ratinho tentou unir os dois de novo, mas já não tinha clima.

  • Anônimo: (responder)
    7 de abril de 2012 às 14:03

    tentando se promover. conseguiu aparecer na tv com o parceiro quando era vivo e agora denovo com o parceiro que ja morreu. isso prova o quanto o joão mineiro tem estrela.

    • Anônimo: (responder)
      22 de junho de 2012 às 06:28

      Eita como e ,antes do sucesso todos sao verdadeiros amigos depois se estragam , o tal do dinheiro e fama nao e facil ..

      • anonimo: (responder)
        26 de novembro de 2013 às 16:26

        isto é verdade

  • Sherell Garufi: (responder)
    14 de julho de 2013 às 20:49

    I just want to say I’m all new to weblog and seriously enjoyed you’re blog. Likely I’m want to bookmark your blog . You really have excellent stories. Cheers for revealing your blog.

  • Cristina Uleman: (responder)
    16 de julho de 2013 às 22:50

    Sorry for the huge review, but I’m really loving the new Zune, and hope this, as well as the excellent reviews some other people have written, will help you decide if it’s the right choice for you.

  • Matias: (responder)
    21 de novembro de 2013 às 16:14

    No caso do jacó e jacózinho eu me lembro que a história foi contada no programa do Gil Gomes.

  • anonimo: (responder)
    26 de novembro de 2013 às 16:29

    eu também já ouvi estoria queeles tinham se matado

  • abraão: (responder)
    26 de novembro de 2013 às 18:25

    ooooooooooooooooooooos moda boa

  • abraão: (responder)
    26 de novembro de 2013 às 18:32

    também gosto dessas moda deles jaco e jacozinho tenho 13 anos e sou fã da musica ra
    iz

  • Armando Delminda: (responder)
    10 de dezembro de 2013 às 19:46

    Pensando bem o João Mineiro estava coberto de razão. Foi ele quem carregou o Marciano nas costas desde o inicio da dupla. João Mineiro pagou para gravar, fazia as despesas quando não tinham fama, levou Marciano para morar na sua casa até ele poder pagar um lugar para morar e depois na hora da fama sai falando que tinha intenção de fazer carreira solo, e ainda que carregava a dupla nas costas? E emais, deixar o João Mineiro sozinho depois de tudo? João Mineiro fez bem, porque de bobo João Mineiro só tinha a cara. Procurou os seus direitos e encontrou, porque na luta judiciária o Marciano só levou ferro. E tem mais. Muitos shows eram cancelados porque Marciano bebia umas biritas a mais e não dava conta de catar. É isso ai. A voz do povo é a voz de Deus. Agora que eu vi o Marciano tonto uma vez na cidade de Bambui isso eu vi. O mais é o povo que fala. eu não sei.

  • edson ricardo paiva: (responder)
    22 de abril de 2014 às 11:17

    Seu pai não se enganou. Eu também ouvi a notícia sobre o homicídio entre os irmãos, na época foi no programa do Gil Gomes

  • Anônimo: (responder)
    14 de fevereiro de 2015 às 18:59

    Eu sou fã da dupla João Mineiro e Marciano desde criança, quando fizeram grande sucesso com a música “Filha de Jesus”. Numa dupla os dois são importantes, mas não se deve esquecer que Marciano era o compositor da dupla, os primeiros sucessos são de autoria dele, que formou com Darcy Rossi uma das maiores parceria do sertanejo. E ele era a primeira voz da dupla, além de guitarrista. em meio a verdades e inverdade, o que é sentido é o final daquela que foi uma das maiores duplas sertanejas do Brasil, e passamento, recente, de João Mineiro. Em relação a Jacó e Jacozinho, desde criança, ouço esta história de briga e morte entre eles.

  • dalto: (responder)
    14 de abril de 2015 às 10:15

    Olá, em relação á Jacó e Jacozinho, na verdade:
    1 quem morreu na época foi o Jacó e não Jacozinho
    2 O acidente não aconteceu nos bastidores de um show, e sim na propria casa do Jacó no dia 14 de fevereiro de 1981
    3 Quem matou Jacó(Antonio Jacob) foi Pedro Jacob um outro irmão dele e Não Jacozinho(Amado Jacob)
    4 A causa da briga é incerta…
    Tambem sou fã da dupla e a fonte é da neta De Antonio Jacob o Jaco! Thaisy Jacob! esse link conta tudo abrçs! https://www.youtube.com/watch?v=ryU67l0D0zw

  • Thaisy Jacob: (responder)
    3 de julho de 2015 às 18:46

    Olá, gostaria de agradecer desde já ao Dalto do comentário acima ao qual corrigiu a informação.
    O que ele disse está certo, só corrigindo o fato de que Pedro Jacob não matou o meu avô Antonio, foi um acidente durante uma briga na casa de meu avô em Assis, a briga foi por motivos banais, porém a queda que levou o meu avô a morte foi acidental.
    Peço que assistam ao vídeo que fiz https://www.youtube.com/watch?v=ryU67l0D0zw
    Abraço!

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.