17 jul 2008 | Lançamentos
TOP FIVE – OS MELHORES SEGUNDEIROS AINDA EM ATIVIDADE
Galera, me desculpem por não ter atualizado o blog ontem. É que meu computador deu um piripaque generalizado (tive até que formatá-lo), mas agora já está resolvido. Em compensação, hoje vou postar dois textos: o TOP FIVE e o DIÁRIO DE UM CANTOR SERTANEJO.


TOP FIVE: OS MELHORES SEGUNDEIROS DO BRASIL AINDA EM ATIVIDADE

Criei a lista de hoje tendo por base apenas os cantores que ainda estão na ativa. Com certeza tem muite gente que provavelmente é até melhor que um deles, mas eu levei em conta duplas mais conhecidas. Qualquer sugestão, utilizem os comentários.


MATOGROSSO

Matogrosso e Mathias foram uma das duplas mais populares da segunda fase da música sertaneja. Arrebataram muitos fãs durante seus 30 anos de carreira juntos. A formação mudou, mas dificilmente algum segundeiro vai se igualar em qualidade ao Matogrosso. Primeiro porque ele possuía (e ainda possui) uma das mais belas e marcantes interpretações da música brasileira. Sua primeira voz é inigualável. E a facilidade com que ele passeia entre a primeira e a segunda voz é invejável. Sua segunda voz, aliás, é potente e destacada. Não se tem notícia, na música sertaneja, de alguém que alterne tão bem a primeira e a segunda voz quanto o Matogrosso. Por isso, o primeiro lugar é dele, merecidamente, diga-se de passagem.


Paulinho

O Paulinho, da dupla César e Paulinho, merece esse segundo lugar simplesmente porque consegue fazer a segunda voz com perfeição até sem a primeira voz acompanhando. Isso mesmo: ele grava a segunda voz antes da primeira. E quem conhece a dupla César e Paulinho sabe o quanto eles são afinados.

Chrystian

Chrystian & Ralf são a dupla mais afinada do Brasil. Só por este título conquistado, já se imagina porque o Chrystian é tão bom de segunda. Eles são os inconfundíveis, os inimitáveis, os inigualáveis. Ninguém consegue realizar interpretação semelhante de uma canção. E por saber acompanhar com perfeição o timbre inconfundível do Ralf, O Chrystian é o terceiro lugar nessa lista.

Chico Rey

A dupla Chico Rey e Paraná nunca foi primeiro lugar nas paradas. Eles são praticamente do submundo da música sertaneja. Só quem gosta de música sertaneja conhece seu trabalho. Mas quem conhece essa dupla maravilhosa sabe o quanto eles são afinados. Conseguem alcançar tons altíssimos nas músicas que interpretam. E não é fácil pra um segundeiro segurar a peteca de uma primeira voz tão alta quanto a do Paraná.

Hudson

Os motivos que puseram o Hudson neste quinto lugar são os mesmos citados acima. Os tons alcançados pela dupla Edson e Hudson, a belíssima interpretação que o Edson faz de cada canção e um diferencial: ninguém consegue tocar a guitarra e interpretar a segunda voz ao mesmo tempo e de maneira tão perfeita quanto o Hudson.
Esse é o TOP FIVE de hoje. Deu pra notar que nenhuma dupla da atualidade figurou nesta lista. É porque, como eu já disse em outros posts, não se dá mais o devido valor à segunda voz como antigamente (influência da dupla Bruno e Marrone). Isso não quer dizer que não tenhamos hoje grandes segundeiros. Só pra citar alguns: César Menotti, Victor (Victor e Leo)…

Mais tarde, o nosso diário.

17 comentários
  • Charita Mcnolty: (responder)
    14 de julho de 2013 às 16:29

    I just want to mention I am just beginner to blogging and site-building and seriously loved this website. Likely I’m likely to bookmark your website . You really come with outstanding articles and reviews. With thanks for sharing your blog.

  • Antony Tointon: (responder)
    17 de julho de 2013 às 08:45

    OMG JUST PLAYED GRAND THEFT AUTO 5!

  • Survivorman - A Review|gascold0のブログ: (responder)
    20 de julho de 2013 às 10:36

    Zune and iPod: Most people compare the Zune to the Touch, but after seeing how slim and surprisingly small and light it is, I consider it to be a rather unique hybrid that combines qualities of both the Touch and the Nano. It’s very colorful and lovely OLED screen is slightly smaller than the touch screen, but the player itself feels quite a bit smaller and lighter. It weighs about 2/3 as much, and is noticeably smaller in width and height, while being just a hair thicker.

  • João A.: (responder)
    25 de novembro de 2013 às 10:58

    mais ou menos, mais ou meeeeenos. Essa listinha aí sem os Mestres (com maiúsculo mesmo) Chitãozinho e Milionário, não passa de uma lista de leigo que acha que o Cristiano Araújo e o Lucas Lucco são bons (obs.: tenho 20 anos e gosto de univestário, mas sertanejo doutorado não se compara com nada).

  • Felipe Barbosa: (responder)
    4 de junho de 2015 às 14:09

    Concordo em partes. Mas Hudson entre os melhores não. Não da pra deixar de fora Milionário e Creone (trio parada dura)

  • Fabio: (responder)
    8 de julho de 2015 às 14:57

    cara pra mim hoje (2015) os melhores são, Matheus (jorge e matheus), Marcos (marcos e belutti, esse é top), o exemplo dos dois vc ouve perfeitamente a segunda e com qualidade. A verdade é que os segunda estão ficando cada vez mais tops, zeze de camargo e luciano vc nem ouve o luciano cantando…

  • Éliton: (responder)
    9 de fevereiro de 2016 às 09:58

    A melhor segunda voz do Brasil é a do inigualável CREONE da segunda formação do Trio parada dura que ao lado do saudoso Barrerito, faziam o dueto mais bonito que já ouvi! Atualmente aos 75 anos de idade, Creone continua arrasando agora no Trio do Brasil junto com PARRERITO e XONADÃO!

  • Éliton: (responder)
    9 de fevereiro de 2016 às 10:08

    A segunda voz do Creone (ex trio parada dura) é segunda voz mais rica em detalhes, abrilhantando ainda mais a primeira voz, não sendo só um coadjuvante! Falam muito em Milionário, Chitãozinho, mas a segunda voz de ambos é muito pobre e comum! Sem falar que a voz do Milionário, é horrível! o único garganta de ouro era o Zé rico!

  • Éliton: (responder)
    9 de fevereiro de 2016 às 10:18

    Essa música é um bom exemplo do que eu disse, https://youtu.be/MUSmxeZh2Ec

  • Éliton: (responder)
    9 de fevereiro de 2016 às 15:22

    Só para reforçar com mais exemplo a minha escolha pelo grande Creone,https://youtu.be/s0Bv94nr-vA https://youtu.be/oHylHS0J5jw aqui vemos o trio ao vivo tocando as músicas ” castelo de amor ” e homem de pedra, como se tivesse ouvindo o disco! Vozes irmãs! Lamento muito que o nome desse ícone da segunda voz, se quer esteja relacionado nessa lista!

  • Roberto: (responder)
    19 de fevereiro de 2016 às 18:46

    Concordo muito com os colegas aí em cima que falou sobre o Creone. Sem dúvida uma das melhores segunda voz do Brasil. Sim Mato grosso é merecido, Chico rey e Paraná sem dúvida, faltou também Leandro com sua técnica de segunda incrível. Vamos melhorar está lista aí, valeu.

  • Andre Carlos: (responder)
    23 de fevereiro de 2016 às 21:26

    São muitos os Mestres do sertanejo que sempre vai faltar… tal como o Zé Paulo ( Peao Carreiro e Ze Paulo) Sampaio ( O ORIGINAL Gentil Aparecido da Silva ) e muitos outros….

  • Aurim Souza: (responder)
    25 de julho de 2016 às 23:43

    Uma sugestão ao dono do blog! É melhor você não citar nomes , senão corre o risco de errar a maioria! Concordo que o Matogrosso é invejável, mas os demais citados estão longe de ocuparem essas posições!

  • sandro: (responder)
    19 de março de 2017 às 11:52

    Concordo plenamente ate o quarto lugar, nao ha duvida!!! perfeito!! mas Creone entao nao e nada? Eduardo Costa nem canta? Xororo nao existe…se refinar isso o resultado sera sem duvida melhor!!!

  • paulo musambani: (responder)
    6 de abril de 2017 às 19:24

    primeiro creone
    segundo mato grosso
    terceiro teodoro, dentro do estilo primeira aguda.

    Não tem o que falar.
    Quem não conhece pesquisa, ouça e verá.

  • Rauber: (responder)
    11 de julho de 2017 às 13:25

    Creone sem dúvidas a melhor segunda voz do Brasil.

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.