14 mar 2010 | Artigos
Victor & Leo e a verdadeira MPB

Depois de passar meses ensaiando e planejando, decidimos finalmente passar o final de ano na praia. A agitação daquela virada de ano e as esperanças de um ano melhor mexia com todos, e muito provavelmente 2009 seria melhor que o ano que estava acabando. Além do mais, nós, como bons paulistanos, não vemos praia com tanta frequência. Por isso, tudo era motivo para festa.

Uma coisa que você não encontrava pelas ruas da praia naquela virada de ano era gente tocando música sertaneja. Não mesmo. Axé, pagode e todos os ritmos que você pode imaginar, menos sertanejo. Mas as coisas estavam mudando, era possível sentir isso. Como a TV mostrava “A Favorita”, uma novela com temática rural, inspirações acaipiradas e músicas no estilo, o país inteiro estava se transformando. E foi justamente num desses dias que, passando em frente um bar, vimos uma moça dedilhando um violão e cantando MPB. Como qualquer apaixonado por música sertaneja, entramos no bar e sentamos, na esperança de que daquele violão pudesse sair uma moda qualquer que servisse de bálsamo para nossos ouvidos feridos pela axé music. Engano nosso. Depois de quase meia-hora aturando aquele sofrível repertório, decidi interferir e pedir uma música, mas logo em seguida me arrependi. Aquela mulher que mais parecia o Chacrinha fez cara de nojo, me fuzilou com os olhos e disparou:

– Sertanejo eu não canto! Alías, sertanejo eu só sei essa…

De uma forma bastante escrachada e cheia de trejeitos, a cantora passou a cantar e interpretar “Marvada Pinga”. Simulando um bêbado em péssimo estado, aquela mulher de formas inaceitáveis permaneceu fazendo caricaturas até o final da música. Ao final do seu show ainda ameaçou: A outra que eu sei é “Beijinho Doce”. Saímos daquele barzinho um tanto quanto contrariados, e com a sensação de que estávamos na hora errada, no lugar errado e com o gosto musical errado.

O tempo passou…

vl

Era uma noite quente do mês de março, daquelas em que o céu está super estrelado, propício para uma boa cervejada com os amigos. Depois de uma prova de fritar os miolos, decidi junto com dois colegas passar num barzinho próximo. Confesso que nesse bar fui poucas vezes. Apesar de um terraço bastante espaçoso e agradável, preferia outro, um pouco mais distante da faculdade e com cara de boteco mesmo. Só depois de bem instalados notamos um rapaz dedilhando seu violão, num discreto show solitário. As músicas tocadas eram clássicos da MPB, o que me fez lembrar do outro episódio. A apresentação do cantor evoluia, ao passo em que o local ia enchendo de gente. Parece que as 15 mil pessoas daquele polo estudantil iam acabar ali. Num dado momento, pensei eu: será que ele toca sertanejo? Fiquei tentado a ir até lá e perguntar, mas ainda não havia bebido o suficiente. Nem precisou, alguém foi até o cantor e após uma breve troca de palavras, um conhecido e gostoso solo de violão encheu o ambiente: Borboletas.

Em seguida “Tem Que ser Você” e “Amigo Apaixonado”. Aquela sequência Victor & Leo abriu espaço para “É o Amor” e “Evidências”, o que levantou a galera. Depois de entrar no sertanejo o rapaz não teve condições de voltar à MPB. No final da apresentação aquele artista anônimo me revelou um detalhe interessante: Victor & Leo são artistas que passeiam tranquilamente pelo exigente repertório da MPB. Segundo o nosso amigo, cantores de MPB não gostam mesmo de cantar sertanejo, mas quando se trata de Victor & Leo a coisa muda de figura.

Para quem acompanha bem de perto o novo sertanejo sabe que isso não é uma novidade. Números recentes do ECAD reforçaram a informação essa semana. Victor foi o compositor que mais arrecadou no ano passado e ainda o que mais ganhou com shows. Coincidência? Não. Desde a época em que fomos humilhados na praia por gostar de sertanejo, os irmãos já trabalhavam sem parar para chegar ao topo, conquistando, com isso, o posto de dupla mais popular do Brasil, de norte a sul.

Todo o sucesso não só dos irmãos mineiros, mas também de Jorge & Mateus, Luan Santana ou ainda dos veteranos Zezé & Luciano e Chitão & Xororó nos faz pensar no que de verdade significa MPB? Música Popular Brasileira? Se eu não estou louco, hoje a música mais popular deste país é o sertanejo, aliás, sempre foi popular e sempre foi sucesso. Agora, com esse novo movimento, mais ainda. Se o homem do campo é a verdadeira origem de todo o cidadão brasileiro e se o homem do campo ouve música sertaneja, então a verdadeira MPB é o sertanejo, ou alguém discorda disso?

19 comentários
  • Flávio Farias: (responder)
    19 de fevereiro de 2012 às 08:22

    Não é bem assim que se define a MPB ou mesmo a música sertaneja. Não assim !!!
    A verdade é que fica mais adequado atingir uma ” massa ”
    incauta com o tipo de ” amor sertanejo “, mas não distuingui-se, e na realidade não chega nem a ser um country.
    Muitos dos cantonres de sertaneja provalvelmente devem ser do tipo que estam cantando e olhando a ” caipirinha ” lá embaixo do palco e vendo que ela delira de amor por aquele estilo, aliás, diga-se de passagem que é um estilo cujo um colega meu sempre que via uma dessas mulheres, acompanhadas pelos seus ” ficantes “….bradava no meu ouvido : ” aquele camarada tem todas as ferramentas de corno e, a ” mina “,… tem todas as ferramentas de galinha ( salve! Borracha ).
    Elas vão com os trouxas para aqueles ” chous ” e de imediato pedem para serem colocadas encima de seus ombros para que possam gritar bem alto ” EU LHE AMU ” Victor + Léo…o importante é dizer que está disposta a tudo inclusive abondonar o panaca que as levam nas costas..kkkk
    Dá um tempo vai!!!
    Música MPB é apenas ” mió “; agora, existe música sertaneja de qualidade a qual também atinge a massa mais apurada…. Renato teixeira, Almir Sater, Rolando Boldrim, etc… fica óbvio que não se trata do rítmo e sim do conte-
    údo filosófico que não dá pra engolir…( Assim vc me mata! ).
    Temos também um agravante que deduz tudo: a maioria dos sertanejos atuais gostam de ” goró “, cerveja, tequila, farra-do-boi, ” muierada ” fácil e bonitas é claro!- por quê as feias tão de fora, visto que mulher não precisa ter dinheiro e carro pra se dar de bem, basta apenas possuir uma silhueta provocante e….tchannn..tá fechado!
    Resumo da ópera : As MPBs são mais classistas e se desenvolvem num tom onde pode-se definir quem é quem nos instrumentos e tal, são bem elaboradas, cifradas ou pautadas de forma vertical, e bastantes dificeis de serem executadas,
    não são musicas para festas e coisas do ramo, são para serem degustadas…
    Já a musica sertaneja universitaria atinge uma grande massa que caminha iludida por afãs e no futuro o que restará
    da categoria??
    Vou confessar que realmente não gosto desse tipo de música; pode ser que os carinhas que as fazem sejam gente boa
    eu também sou e opiniôes têm de serem aceitas.
    Jamais eu deixaria de comprar uma coletania de Elomar Figueira Melo para adquirir uma qualidade de música que pode ser comparada a um produto ” Refil “… acabou o uso troca-se o cartucho que vem com a mesma dose de anestesia e é por isso mesmo que o Amor de vocês nunca dura pra sempre e as moças e rapazes se tornam refis… sob pena de um trocar ( substituir o outro ) piór por marcas diferentes..

    Se liga véi!!!!

  • sandro: (responder)
    13 de agosto de 2012 às 16:39

    voces são uma merda

  • Wm Arambula: (responder)
    12 de julho de 2013 às 09:53

    Very good site thanks so much in your time in writing the posts for all of us to learn about.

  • jordans new release: (responder)
    17 de julho de 2013 às 07:41

    I absolutely love your blog.. Great colors & theme. Did you create this web site yourself? Please reply back as I’m trying to create my own blog and would like to learn where you got this from or just what the theme is named. Appreciate it!

  • Brendan Gerke: (responder)
    17 de julho de 2013 às 12:37

    I’m still learning from you, but I’m making my way to the top as well. I certainly liked reading everything that is written on your site.Keep the information coming. I loved it!

  • this hyperlink: (responder)
    17 de julho de 2013 às 16:55

    Actually film is the presentation of some one’s feelings; it offers the lesson to the people.

  • cholesterol lowering diet: (responder)
    17 de julho de 2013 às 18:11

    Hi there mates, its fantastic post regarding educationand entirely explained, keep it up all the time.

  • 2000 loan with bad credit: (responder)
    18 de julho de 2013 às 04:14

    You can see related nonsense from the likes of Caroline Kennedy, who prefaces her guidance to the legitimate killing of unborn small children using the non sequitur, “as a Catholic woman”. Unfortunate that folks is often so dedicated to some untrue ideology that they can convert so far absent with the real truth.

  • Read the Full Write-up: (responder)
    18 de julho de 2013 às 22:11

    My spouse and I absolutely love your blog and find nearly all of your post’s to be just what I’m looking for. Would you offer guest writers to write content for you personally? I wouldn’t mind producing a post or elaborating on many of the subjects you write related to here. Again, awesome blog!

  • Percy Alberts: (responder)
    19 de julho de 2013 às 01:06

    Simply a smiling visitor here to share the love (:, btw outstanding style and design. “Reading well is one of the great pleasures that solitude can afford you.” by Harold Bloom.

  • This Web site: (responder)
    19 de julho de 2013 às 08:12

    I don’t even know how I ended up here, but I assumed this put up was great. I don’t recognize who you might be however certainly you’re going to a well-known blogger in case you aren’t already. Cheers!

  • like this: (responder)
    19 de julho de 2013 às 16:36

    I arrived predicting something else entirely, but this made me laugh, so thanks. Interesting stuff.

  • casino online: (responder)
    20 de julho de 2013 às 03:34

    Very interesting details you have mentioned , thanks for putting up. “Strength does not come from physical capacity. It comes from an indomitable will.” by Mohandas Karamchand Gandhi.

  • Click The Link: (responder)
    20 de julho de 2013 às 05:08

    Hello! Would you mind if I share your blog with my facebook group? There’s a lot of people that I think would really appreciate your content. Please let me know. Many thanks

  • Sonny Blem: (responder)
    20 de julho de 2013 às 06:04

    Valuable information. Lucky me I found your site by accident, and I am shocked why this accident did not happened earlier! I bookmarked it.

  • vegina: (responder)
    20 de julho de 2013 às 06:54

    Thanks for creating this. I actually feel as nevertheless I understand a lot a lot more relating to this than I did right before. Your web site definitely brought some points to light that I in no way would’ve considered about before reading through it. You should carry on this, Im positive most people would consent youve bought a gift.

Redes sociais
Sobre o autor
Marcus Bernardes é bacharel em direito e entusiasta da música sertaneja. Criou o Blognejo com o intuito de falar de maneira séria e digna sobre o segmento. Hoje é o veículo mais respeitado do meio, sendo referência em coberturas de eventos, lançamentos, entrevistas e análise de mercado.