Entrevista Exclusiva – Especial de Fim de Ano – Chitãozinho & Xororó

Como é de praxe desde que começamos a gravar as entrevistas semanalmente, deixamos para a última semana alguma conversa com uma dupla ou artista que teve mais destaque no ano ou já é um nome consagrado. Ano passado falamos, por exemplo, com Henrique & Juliano, e no ano anterior com Jorge & Mateus. Em 2015, no entanto, a história foi ainda melhor. Tanto que resolvi que este deveria ser o último post do ano no Blognejo. Para fechar o ano de 2015, o Blognejo tem o orgulho, a honra e a satisfação de apresentar uma entrevista com a maior dupla de todos os tempos: Chitãozinho & Xororó.

Depois do acidente com o HD contendo várias entrevistas, que nos fez perder 8 gravadas, das quais 5 já foram regravadas e inclusive postadas, alguém lá em cima resolveu ser mais do que generoso e nos concedeu duas entrevistas com lendas históricas do nosso gênero como compensação. A primeira, com Zezé di Camargo & Luciano, foi postada há algumas semanas. E hoje, trazemos uma conversa exclusiva com Chitãozinho & Xororó.

No bate-papo gravado em um bar de Campinas, falamos sobre a importância da dupla e o peso do título “maior dupla de todos os tempos”, o caráter patriarcal assumido por eles ao longo do tempo com relação às novas gerações, a proximidade com a MPB nos últimos anos através de trabalhos com o maestro João Carlos Martins e com músicas do Tom Jobim e a capacidade da dupla em se reinventar a cada novo ciclo da música sertaneja, sempre se mantendo não apenas na ativa mas também com uma das agendas mais disputadas do meio.

Uma conversa muito bacana, diferente de todas que costumamos ver com eles. Rolaram algumas palhinhas também. Assistam e comentem.

Feliz ano novo a todos. Nos vemos na segunda-feira, com a nossa tradicional lista de apostas para o próximo semestre.