Music Trends – Multishow HD

Music Trends – Multishow HD

Na semana passada foi transmitido no canal Multishow HD (que não é o Multishow regular) o último programa da série de documentários intitulada Musc Trends, a primeira série brasileira produzida exclusivamente para o Multishow HD.

O programa funcionou da seguinte forma: foi feita uma pesquisa junto ao público sobre os novos sons musicais, o que pode vir a ser tendência daqui pra frente. E a pesquisa foi feita de forma bem ampla, abrangendo todos os segmentos musicais, nacionais e internacionais, sem nenhum preconceito relacionado a gosto musical ou coisas do gênero, o que por si só já é altamente louvável. Após essa pesquisa, chegou-se a uma lista de 100 nomes, que foram divididos em diversas tendências, que o programa resolveu chamar de mood. Dentro de cada mood, cinco sub-tendências, que o programa chamou de micromoods. Vejam os organogramas abaixo, com cada um dos moods abordados e os artistas que deles fazem parte, além de uma explicação geral do que vem a ser cada um dos moods.

* Time:off

* Nowdismo

* Happy-to-be

* Twisted Future

Para explicar as características de cada um dos 100 artistas apresentados no programa, foram convidados vários especialistas, cada um em sua área, para gravar depoimentos. Para os artistas sertanejos, foram convidados dois “experts” no assunto, hehehe: este que vos escreve e o colega André Piunti, do site Universo Sertanejo.

A idéia geral do programa é muito interessante. Com certeza os mais conservadores vão torcer o nariz para o que foi falado no programa. No contexto geral, a música geral contou com representantes em dois micromoods, que os editores do programa chamaram de “sertanejo pegação” e “brazilian way of country”. O primeiro se encaixou no mood “Nowdismo” e o segundo no mood “Happy-to-be”. A idéia geral é bastante coerente, mas com certeza rende um bom debate. Pelo menos reclamações de boa parte dos comentaristas do Blognejo virão, sem sombra de dúvida.

Abaixo, seguem todos os vídeos da série de documentários, incluindo os que não falam dos artistas sertanejos. É que eu julgo interessante acompanhar todo o contexto do programa para entender porque cada artista foi inserido ali e de onde surgiu cada um destes micromoods. Apesar de saber que poucos de vocês terão paciência para assistir todos os vídeos, acho que seria bacana. Caso não se interessem, os vídeos com os depoimentos deste que vos fala e do André Piunti são os dos episódios 2 e 3. Não reparem na gagueira e assistam sabendo que cortaram pelo menos 80% de tudo o que falamos, hehe.

Episódio 1 – Time:off

* Parte 1:

* Parte 2:

* Parte 3:

Episódio 2 – Nowdismo

* Parte 1

* Parte 2

* Parte 3

Episódio 3 – Happy-to-be

* Parte 1

* Parte 2

* Parte 3

Episódio 4 – Twisted Future

* Parte 1

* Parte 2

* Parte 3