Na Estrada – Henrique & Diego ganham novo e gigantesco fôlego em gravação de DVD

Sejamos realistas: muita gente já achava que Henrique & Diego tinham ficado pra trás na corrida por uma cada vez mais concorrida e desejada fatia do mercado sertanejo. A tacada mais incisiva da dupla desde a entrada na Dut’s promoções tinha sido a gravação do último DVD, isso há um bom tempo atrás já. Desde então a dupla vinha se mantendo com uma agenda consistente, mas a impressão que dava é que não havia a intenção de tentar algo mais incisivo, mas apenas de manter o que a dupla já tinha.

Pois parece que essa era mesmo apenas uma impressão. Neste último domingo, Henrique & Diego gravaram em Campo Grande um DVD no Parque das Nações Indígenas. Público de 50 mil pessoas. Produção do Dudu Borges. 19 músicas inéditas. Palco enorme, com direção da Terra Produções. Enfim, um projeto grandioso, enorme, e que contesta muito disso que vinha sendo dito ou pensado a respeito da dupla nos bastidores do mercado.

Na verdade não há muito o que falar a respeito dessa fase mais “low profile” da dupla. Se foi uma opção de trabalho manter o dupla de forma um pouco mais discreta ou qualquer outra coisa. Mas mesmo trabalhando mais silenciosamente, a dupla ainda emplacou algumas canções importantes desde o último DVD, principalmente o hit “Oh, delícia”. O novo DVD, entretanto, ousa ao colocar a dupla cantando apenas músicas inéditas.

A escolha pelo trabalho com o produtor Dudu Borges já demonstra essa intenção de trazer a dupla de volta às cabeças e recolocá-la no rol das grandes apostas do mercado. Como vocês provavelmente já assistiram na entrevista postada aqui com ele, a ideia é que os projetos com ele sempre carreguem estampada na testa essa intenção. E o entusiasmo do próprio Dudu Borges com o projeto mostra que ele quer muito que isso aconteça.

O repertório foi um dos pontos altos do DVD. A influência do compositor Maurício Mello, que ficou responsável pela seleção das músicas junto com a dupla, fica marcada principalmente nisso, mas pode ser sentida por quem acompanhou o desenvolvimento do projeto também em outras frentes. Ele foi um dos grandes incentivadores para que a Dut’s pudesse ter dado esse novo e audacioso fôlego no projeto Henrique & Diego. Não à toa, ele é compositor de grande parte das músicas do projeto. Todas de altíssimo nível.

Outra escolha acertada se deu com o local da gravação. Apesar do pouco tempo para preparação do projeto, afinal o que era pra ser um CD acabou virando um DVD de grandes proporções em questão de semanas, o Parque das Nações Indígenas ainda é o melhor local para gravações de DVD que existe no Brasil. Basta ver os DVDs gravados por lá nos últimos anos.Maria Cecília & Rodolfo, Munhoz & Mariano, Luan Santana (o primeiro), Grupo Tradição… O apoio da prefeitura costuma garantir acesso livre ao público e, consequentemente, uma presença maciça do povo.

Segundo dados informados após a gravação, Henrique & Diego cantaram para cerca de 50 mil pessoas, só pra se ter uma ideia. E pelo que notei, as participações também foram pensadas justamente para atrair esse público mais popularesco, que é mais comum em projetos com entrada gratuita. Além das duplas pratas da casa Thiago & Donizetti (que já despontam como grandes apostas em Campo Grande) e Bruninho & Davi, queridíssimos por lá, o DVD contou ainda com Cesar Menotti & Fabiano, cantando um modão, e com as inusitadas participações da Turma do Pagode e do Mc Guimê, na participação mais celebrada da gravação.

A música gravada pelo Mc Guimê, inclusive, deve ser uma das que mais vai chamar a atenção do público, seja para o bem ou para o mal. O tema picante promete causar uma daquelas tradicionais polêmicas junto aos mais conservadores. Saca só o título: “Suíte 14”. Só por aí já dá pra ter uma ideia.

O Rafael Terra, enquanto responsável pelo projeto visual e pela direção do DVD, parece ter entendido que esta se tratava de uma grande oportunidade de expandir de vez o trabalho da Terra Produções. O cenário não deixou em nada a desejar aos grandes DVDs já gravados ali, como dá pra ver pelas fotos logo abaixo.

Mesmo com o curto tempo de preparação para esta gravação, tudo correu muito bem. Em duas horas, o DVD já estava gravado. Inicaram os trabalhos às 17:40 e terminaram às 19:40. Quase cronometrado. Poucas repetições, causadas principalmente pela invasão do palco por alguns membros mais afoitos do público, como um molecote que saiu desembestado para agarrar o Mc Guimê, entre outros. Aliás, vem gravação e vai gravação e eu continuo sem entender essa necessidade de subir no palco e atrapalhar o andamento. “Ah, amor de fã”. Sei que é e tals, mas eu juro que não entendo.

A maturidade cada vez mais evidente na dupla Henrique & Diego mostra que eles parecem estar preparados, enfim, para essa nova fase. As incertezas que parte do mercado parecia ter quanto ao trabalho deles parecem ter sido todas enterradas nesta gravação. A ideia é mesmo mostrá-los num tamanho cada vez maior. Entre os envolvidos no projeto, era comum ouvir que a dupla vai ser um dos principais nomes no ano de 2015. Não duvido nada disso. Repertório, produção, equipe, tudo parece ter sido enfim preparado para isso. Resta aguardar pra ver se estas previsões vão de fato se concretizar.

Abaixo, algumas fotos da gravação tiradas pelo grande Rubens Cerqueira.

UPDATE:

Já saiu até um teaser do DVD. Confira abaixo.