RENÊ E RONALDO – AO VIVO

Atendendo a pedidos, hoje (atrasado) estou postando um review sobre o mais recente trabalho da dupla Renê & Ronaldo. Aproveitando, é claro, pra falar um pouco mais sobre os caminhos que essa dupla acabou seguindo.

A dupla Renê & Ronaldo já acumula cerca de 20 anos de estrada. Houve um tempo em que eram tidos como uma das duplas mais afinadas do país. Palavras do Chitãozinho!!! Grandes canções surgiram nas vozes dessa dupla, como “Hoje eu quero te amar”, “Fonte de desejo”, “Não tem adeus quando se ama”, “Cicatriz”, “Separados” e muitas outras. Algumas viraram inclusive canções universitárias e voltaram a fazer sucesso com o público jovem. Acontece que a dupla acabou passando por um período de turbulência.

Em meados de 1999, a formação original, com dois irmãos, se desfez. O Renê acabou lançando um trabalho solo e conseguindo certo destaque com a canção “Só um grande amor”. O Ronaldo acabou se desligando do restante da turma sertaneja. Pouco tempo depois, o Renê encontrou um novo parceiro, aproveitando para retomar o trabalho com o nome “Renê & Ronaldo”, que ainda tem certo prestígio junto aos fãs. O Ronaldo original se mudou para cá (Uberlândia), aonde reside até hoje.

A nova formação da dupla lançou, até onde eu sei, um CD acústico “ao vivo” e um DVD. As aspas na expressão “ao vivo” são propositais, já que o CD não era realmente ao vivo. Eles utilizaram, na ocasião, um recurso manjado: gravar a ambiência (é como se chama o barulho produzido pelo público) depois de gravar todas as pistas do CD. E o trabalho consistia apenas numa regravação de todas as músicas de sucesso da carreira da dupla. Apesar de serem realmente canções incríveis, essa coisa de fazer um falso CD Ao Vivo é meio que arriscada. Quem entende um pouco pode acabar achando que a intenção é enganar o público. E olha que eu já fiz um CD assim com a minha dupla, hehehe.

Após esse trabalho, a dupla gravou um DVD num restaurante da cidade de Aparecida de Goiânia – GO. Apesar da qualidade do áudio (ótima), o DVD não mostrava muitos resquícios do prestígio outrora alcançado por Renê & Ronaldo. O vídeo ficou simples, aquém do sucesso que a dupla já alcançara em outros tempos. Ficou meio que claro que eles acabaram sofrendo o mesmo que 90 % das duplas que mudam a formação no auge sofrem: o segmento acaba virando as costas. Vejam bem, o segmento e não o público. Uma dupla, ao mudar de formação, ainda tem seu fiel público como refúgio. É o que acontece com Matogrosso & Mathias, Alan & Aladin, João Mineiro & Marciano e muitos outros.

O novo CD é nada mais nada menos que o áudio do DVD, acrescido de 5 músicas de estúdio. As músicas do DVD são praticamente apenas as músicas antigas da dupla. Se tiver umas duas inéditas, é muito. Como eu disse, o áudio até que ficou bem legal. E dessa vez foi realmente um trabalho ao vivo, mas provavelmente editado para parecer que o público estava mais animado. Das canções de estúdio, temos 4 inéditas e uma regravação. As canções inéditas foram inseridas provavelmente porque não havia numa DVD nenhuma faixa com potencial para virar sucesso. O detalhe é que havia outra faixa ao vivo, com a participação da dupla Rodrigo & Ricardo, que acabou sendo excluída do CD. Era a faixa “De coração pra coração”, regravação de um sucesso da dupla Chitãozinho & Xororó.

O CD se encontra, aliás, disponível para download no site oficial da dupla (www.reneeronaldo.com.br), o que demonstra que a dupla optou por recomeçar um trabalho outrora consagrado. Renê & Ronaldo têm história na música sertaneja. Espero que esse trabalho possa reabrir as portas que se fecharam após a mudança de formação.

Nota: 7,0