TOP FIVE – DUPLAS DE NÃO-IRMÃOS QUE CONSEGUIRAM FAZER SUCESSO

Quatro da manhã, e eu chegando de um show nosso com a dupla Emílio e Eduardo.
Como eu disse na última quinta-feira, o top five de hoje é dedicado às duplas formadas por pessoas que não têm nenhum parentesco mas que, mesmo assim, conseguiram alcançar um grande sucesso:

BRUNO & MARRONE

Há pelo menos sete anos eles carregam o título de dupla sertaneja mais popular do Brasil. Foram apresentados um ao outro pelo Leonardo na época em que nem ele fazia sucesso (mais de vinte anos atrás). São os maiores responsáveis pela transformação da música sertaneja nos últimos anos, quebrando uma fórmula de mais de 15 anos de sucesso, mais conhecida como “Era AMIGOS”.

JOÃO PAULO & DANIEL

A morte precoce do cantor João Paulo acabou com uma das duplas mais promissoras da música sertaneja. Se conheceram ainda muito jovens (Daniel tinha só 11 anos quando começou a cantar com o João Paulo) e lutaram muito pra construir uma carreira invejável. O talento dos dois era indiscutível. O Daniel seguiu cantando e, por incrível que pareça, conseguiu continuar no caminho do sucesso, acabando por se tornar um dos maiores cantores românticos do Brasil.

MILIONÁRIO & JOSÉ RICO

As gargantas de ouro do Brasil se conheceram por acaso (já ouvi boatos de que se conheceram na cadeia) e chegaram a fazer sucesso até na China. Bem antes do filme “Dois filhos de Francisco”, o longa”Estrada da Vida” foi sucesso de público e crítica. São unanimidade para todos os cantores sertanejos e o José Rico ainda é considerado um dos maiores intérpretes do segmento.

RICK & RENNER

A dupla “Sereno & Serenata”, formada pelo Rick e um irmão (ou irmã, não me lembro) já cantava nas noites de Brasília antes de o Renner surgir na história. Conforme eles mesmos contam, o Rick ouviu o Renner cantando por telefone e se interessou pela voz do rapaz. Gravaram um CD independente que acabou despertando a atenção de Zezé di Camargo & Luciano, que resolveram ajudar a dupla a gravar um trabalho mais sólido. Hoje o Rick é o compositor que mais arrecada no Brasil, além de ser um incrível produtor.

RIONEGRO & SOLIMÕES

Os dois começaram a cantar na época em que trabalhavam juntos fabricando sapatos na cidade de Franca. Participavam de festivais em toda o interior de São Paulo, chegando a vencer o “Violeira Rosa Abrão”, de barretos, um dos mais tradicionais do Brasil. Os dois foram os responsáveis por popularizar o estilo “batidão” no meio sertanejo, com as músicas “De São Paulo a Belém”, “Peão Apaixonado” e “Bate o Pé”. Ainda são muito queridos pelos fãs, devido é claro ao imenso carisma que a dupla possui.

É claro que existem muitas outras duplas de sucesso cujos membros não são parentes, como Matogrosso & Mathias e muitas mais “recentes”, como Jorge & Matheus, Fernando & Sorocaba, Hugo Pena & Gabriel, etc.

Deixe seu Comentário

seu endereço de e-mail não será publicado.