TOP FIVE ESPECIAL COMPOSITORES – OS MELHORES DOS ÚLTIMOS ANOS

Seguindo nosso cronograma, o Top Five de hoje é com aqueles que eu, um humilde e leigo amante da música sertaneja, considero os melhores na composição nos últimos anos. Quando eu digo “melhores” eu quero dizer os que criam os versos mais belos, mais intensos, mais profundos e com maior nível poético. Ôôôôô, falei pouco, mas falei bonito. Lembrando que estou considerando os 25 últimos anos, que é mais ou menos a idade da música sertaneja em sua forma contemporânea. Estou preparando um Top Five para o final dessa série: grandes compositores que não entraram em nenhuma das listas, hehehe. Vamos à lista de hoje:
ZEZÉ DI CAMARGO

O cara é tão bom que até Julio Iglesias pediu que lhe compusesse uma canção. Tá certo que, atualmente, o COMPOSITOR Zezé di Camargo não escreve tanto, mas alguns dos versos de suas canções são verdadeiras pérolas. Palavras simples que formaram canções magníficas. Dentre os versos dele, os que eu mais gosto dizem mais ou menos assim: “Que foi que aconteceu com a gente, por onde anda o nosso amor, por que seu jeito indiferente quando me aproximo? Quem foi que apagou a chama que havia em nossos corações? Quem transformou as nossas vidas separou nós dois..” ou “Quero fazer com você o amor mais gostoso, quero transar com você nos meus sonhos de amor, tira de dentro de mim o amor que deseja, joga essa mala no chão, tranca a porta e me beija…”. Fora as que ele compôs para a própria dupla…

ROBERTA MIRANDA

Saca só o nível: “Foi embora, atravessou os mares, pura ilusão. Cansado, com receio, magoado, eu chorei em vão” . “Não toque em mim, hoje descobri que você não é nada, não podemos seguir juntos nessa estrada, é o fim do amor sincero que senti…” . “Que me mata, me fere, me acaba, me arrasa. São seus olhos misturando-se ao verde das matas…”. “Ah, tô indo agora pr’um lugar todinho meu. Quero uma rede preguiçosa pra deitar…”. Além de melhor cantora da música sertaneja, a Roberta é pra mim, sem dúvida, a melhor compositora de todos os tempos.

MOACYR FRANCO

Esse show-man é ator, comediante, cantor, apresentador, e um p… compositor. Pra quem não sabe, são deles alguns dos maiores sucessos da história da música sertaneja. Eis os versos que ele escreveu e que eu considero os mais bonitos: “É, minha cara, mudei minha cara, mas por dentro eu não mudo (…) Daquele momento até hoje esperei você, daquele maldito momento até hoje só você… “, ou “Minha vida nesta cela é olhar pela janela e esperar. No Domingo lá vem ela caminhando sempre bela me consolar…”, ou “Ainda ontem chorei de saudade, relendo a carta, sentindo o perfume. Mas que fazer com essa dor que me invade? Mato esse amor ou me mata o ciúme.”

CHRYSTIAN

Pouca gente sabe, mas o Leonardo e o Zezé, por exemplo, com frequência o procuram pedindo uma canção inédita para seus discos. Ele compõe pouco, é verdade, mas dentre as pérolas que ele assina, eis algumas das melhores: “Dez minutos de eu e você. Somente dez minutos, nunca mais na vida…”, “Em teus sonhos vai sentir meu cheiro, coração batendo forte no teu seio. Desesperada você vai gritar: Te amo inteiro…”, “Sonho, choro e sinto que resta alguma esperança. Saudade: quero arrancar essa página da minha vida”. Ah, e uma das músicas mais simples e mais belas de todos os tempos: “Chora Peito, me mata de uma vez, porque aos poucos eu não vou morrer.”

BRUNO

Ele é, de fato, um grande compositor. Não tem como negar. Ele é mestre na arte de compôr canções “rasgadas”, daquelas que a goela tem que doer na hora de cantar. Letras simples, mas que dão porém uma excelente margem para uma incrível interpretação. Eis alguns versos: “Eu quero sentir o sabor da sua boca a me morder, sentir seu corpo estremecer num gemido meu…”, ou “Vai amanhecer e desta vez eu quero acordar sozinho. Vai ser melhor pra nós, vai ser melhor pra mim, vai ser melhor assim…” Lembrem-se: a lista se baseia numa opinião pessoal. Não me xinguem.