Um clubinho e a continuação de “Você de Volta”…

maria-cecilia-e-rodolfo

A máxima de que dupla sertaneja composta por homem e mulher no Brasil não faz sucesso foi um estigma quebrado por Maria Cecília & Rodolfo logo no começo da carreira. A persistência os fez abrir portas para outras duplas com o mesmo estilo, além de ajudar a reforçar a idéia de mulheres cantando sertanejo nestes novos tempos. Desde que a dupla começou a despontar, isso com apenas alguns meses de formação, nós aqui do Blognejo falamos sobre eles. Três meses após a gravação do 1º CD, aquele ao vivo no Estoril, fizemos um “Top Five” com a dupla em destaque (relembre Aqui). A estranha admiração por Maria Cecília & Rodolfo me fez baixar o primeiro CD, gravar e distribuir entre amigos. Na condição de fã acho que posso falar a respeito.

A música “Você de Volta” caiu no gosto do público, tornou-se tema de novela, embalou inúmeros relacionamentos e foi explorada ao máximo. Virou a marca registrada da dupla e desde então os jovens sul-matogrossenses procuravam uma música para continuar o que a primeira canção começou. Vejam bem, eles conseguiram emplacar várias músicas – “Coisas Exotéricas”, “Vou Jogar a Chave Fora”, “Quem Ama Cuida” e “Se Vira” – mas nada comparado ao primeiro hit.

Pensando nisso, no último mês a dupla resolveu entrar em estúdio para gravar um novo CD. Prepararam tudo, gravaram tudo, inclusive bases e vozes. Deixaram tudo no ponto para colocar no final “Ao Vivo” apenas a participação do público. Tudo em busca de um novo hit. E ele veio. “Os Dias Vão” não é uma canção exatamente inédita. Já foi gravada há algum tempo pelos também sul-matogrossenses João Lucas & Walter Filho. Mas assim, com repercussão nacional, novos arranjos, e bem aproveitada na voz de Maria Cecília & Rodolfo, me cheira a sucesso.

“Os Dias Vão” mais parece uma continuação de “Você de Volta”. A canção deve alcançar o topo das paradas rapidamente. Estratégias de divulgação do empresário Eduardo Maluf devem contar muito nesse momento. Maria tem ainda um diferencial para as outras cantoras sertanejas, sua boa aceitação junto ao público infantil aliado a uma grande identificação com adolescentes apaixonadas faz da cantora um nome que não deve ser esquecido tão cedo. Uma teoria de que a lacuna deixada por apresentadoras infantis loiras podem ser preenchidas por artistas como ela e Luan Santana reforçam nosso pensamento do porquê de tanto sucesso. Maior prova disso é o projeto para 2010 de um site da dupla, destinado apenas para crianças além de um clubinho para os fãs de pouca idade.

No resumo geral da batalha, o casal tem conseguido grandes êxitos na carreira, mesmo com toda a dificuldade do mercado. Para quem apostava que a dupla sucumbiria ao anonimato em pouco tempo, essa canção e os novos projetos devem dar um novo gás e alçar a jovem dupla a um capítulo de destaque nos livros de história da música sertaneja. É dificil se manter lá em cima, tem que ralar muito, mas Maria Cecília & Rodolfo conseguem . Bala na agulha para isso eles tem.